A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
01 de abril de 2020
Anuncie Aqui
-->
Policial

Preso suspeito de esfaquear e matar garota

Crime aconteceu em ponto de ônibus da Avenida Interlagos, na Zona Sul. Homem de 25 anos teve a prisão preventiva decretada pela Justiça.

7 JUN 2013 - 10h55min
G1
A Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira (6) Rafael Inácio Alcântara, de 25 anos, suspeito de matar a golpes de faca a estudante Gabriela de Souza Teixeira, de 17 anos, em um ponto de ônibus na Avenida Interlagos, na Zona Sul de São Paulo, em 19 de maio. A prisão foi feita na casa de Alcântara, que mora com a mãe e o irmão na mesma região do crime.
 
A polícia diz que o suspeito confessou o assassinato. A Justiça decretou a prisão preventiva dele. Além de Gabriela, Alcântara disse à polícia ter atacado outras cinco mulheres entre 14 de maio e 3 de junho, todas em pontos de ônibus na Avenida Interlagos.
 
Elas ficaram feridas no pescoço, mas sobreviveram. ?Ele comentou que ouvia vozes que o faziam cometer os crimes. Ele precisava matar para aliviar a cabeça?, afirmou o delegado Luiz Carlos do Carmo, titular do 48º Distrito Policial, em Cidade Dutra. O homem foi reconhecido por duas vítimas e testemunhas do caso Gabriela.
 
O suspeito saiu de um Centro de Detenção Provisória (CDP) em 5 de abril. Ele tinha passagem por roubo e furto. As agressões às mulheres com idades entre 17 anos e 43 anos aconteceram em um raio de 2 km. ?Ele sempre praticava os crimes usando boné branco e jaqueta escura?, disse o delegado.
 
A polícia diz que, antes do assassinato de Gabriela, o suspeito confessou que praticava vandalismo contra ônibus na região e chegou a ferir uma menina com uma pedra.
 
As investigações levaram a Alcântara porque a primeira vítima relatou à polícia que o homem "tinha traços indígenas". Foi feita uma busca no banco de dados de pessoas com passagem pela polícia na região e o cruzamento de informações do retrato-falado do suspeito de matar Gabriela. Todos os dados levaram à prisão do suspeito, que tem apelido de "Pajé".
 
Crime
 
A vítima, de 17 anos, esperava um ônibus para ir à igreja, por volta das 16h de um domingo, quando um homem usando boné branco chegou. Uma testemunha contou à polícia que quando Gabriela viu quem era, ela disse: "Você aqui?"
 
Logo em seguida, a estudante foi atacada com uma facada no pescoço e morreu no local. O assassino fugiu a pé. Um vídeo registrou o momento em que ele deixava o local do crime.
 
Os passageiros que aguardavam o coletivo correram. O caso foi registrado no 101º Distrito Policial, no bairro Jardim das Embuias, e encaminhado ao Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).
 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Mulher é presa por cortar adolescente com garrafa e persegui-lo em Aquidauana

2
Coronavírus

Idosa de 64 anos morre e é primeira vítima do coronavírus em MS

3
Aquidauana

Atenção motoristas: Ponte Velha será interditada na quarta-feira

4
Charges

Luto

Vídeos

PM grava vídeo na língua terena para orientar indígenas sobre prevenção ao coronavírus

Lideranças de Taunay fecham o acesso ao distrito para quem não é morador

Dona Izabel confere as novidades nas vitrines tranquilamento no 1º dia de quarentena na cidade

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max37

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min23 max37

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,73m
Miranda
2,95m
Paraguai
1,72m

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"ANONIMATO"

Raquel Anderson

Diário de um tempo de Pandemia I

Valdemir Gomes

As...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Escolas Particulares

Center Informática

Rua Manoel Antônio Paes de Barros, 725 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3159 / Fax
Supermercados

Mercearia e Bar da Praça

Manoel Antonio Paes de Barros, 760 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2757
Médicos

Roberto Trindade - Ginecologista

Rua Duque de Caxias, 657 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3727
Ver Mais