A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
07 de julho de 2020
Anuncie Aqui
-->
Política

Contar entrega documentos para Polícia Federal, MP e CGU sobre compras de cestas básicas

4 JUN 2020 - 08h22min
Assessoria

A compra estimada de 60 mil cestas básicas feita pelo Governo de Mato Grosso do Sul foi levada ao conhecimento da Polícia Federal. Os documentos que dão conta dos indícios de superfaturamentos foram entregues pelo deputado estadual Capitão Contar (PSL) também ao MP-MS (Ministério Público Estadual), MPF (Ministério Público Federal) e CGU (Controladoria-Geral da União).

Cumprindo sua função fiscalizadora que o mandato exige, o parlamentar entregou os documentos da compra, sem licitação, no valor de R$ 5.820.000,00, para apuração de suposto superfaturamento, a fim de esclarecer a diferença de preços. O teor, que é de interesse público, precisa ter notoriedade, publicidade e transparência.

Após pedidos de esclarecimentos de apuração sobre os valores da cesta básica, o deputado estadual Capitão Contar foi interpelado na Justiça pelo governador Reinaldo Azambuja. 

“São meus deveres constitucionais: fiscalizar e dar publicidade dos meus atos. Se não houver irregularidade, não há por que temer. As explicações serão dadas aos órgãos competentes. Existe a possibilidade de um superfaturamento, pois realizei um orçamento da mesma cesta básica, com os mesmos itens, na mesma empresa, só que bem mais barato. Também fiz uma compra no varejo e obtive o valor muito mais em conta!”, enfatizou o Capitão Contar.

Com a repercussão do assunto, “Fake News” sobre o Capitão Contar foram criadas nas redes sociais sobre outro assunto, a fim de, desmerecer os questionamentos do deputado sobre a compra das cestas com recursos públicos. Além de tentar criar uma cortina de fumaça sobre o tema. A aquisição, sem licitação, é de interesse do cidadão e é preciso que seja esclarecida, de forma transparente e acessível.

Cestas básicas

As cestas foram adquiridas pelo Governo, por meio da Sedhast (Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho), pelo contrato emergencial número 005/2020 feito com dispensa de licitação por conta da pandemia da Covid-19. 

O poder executivo divulgou que o alimento seria entregue para até 60 mil famílias carentes que fazem parte do CadÚnico. O deputado questionou a discrepância no valor individual de cada cesta. 

Capitão Contar levou o assunto para a ALMS (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul), por meio de indicação – instrumento comum do parlamentar para solicitação de providências relacionados a serviços públicos ou recursos públicos. Entretanto, o pedido não foi acolhido pela maioria dos deputados.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Geral

Sucuri de 5 metros é encontrada morta em local onde foi vista se alimentando

2
Aquidauana

Câmera flagra onça se alimentando de bezerro em fazenda de Aquidauana

3
Miranda

Homem mata bebê de dois meses para vingar suposta traição da esposa em Miranda

4
Aquidauana

Cachorro atravessa rua e provoca acidente com moto em Aquidauana

Vídeos

Cães encontram droga escondida em estofado de veículo

Morador de Taunay encontra jaguatirica morta às margens da BR-262

Bombeiros de Aquidauana estão na operação para controle de grande incêndio no Pantanal

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min18 max34

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min18 max34

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,49m
Miranda
2,97m
Paraguai
1,93m

Colunas e Blogs

Rosildo Barcellos

História e tradição a céu aberto

Valdemir Gomes

Até...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"ACABOU-SE AGORA..."

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Ponto de Táxi

Ponto de Táxi Nº 3

Rua Teodoro Rondon, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2230
Auto Posto

Posto Jato

Av. Dr.Sabino, 161 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2354 / 324
Telefones Úteis

Policia Militar - 7º BPM

João Lopes Assunção, s/nº Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2212/3241-
Ver Mais