A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
21 de julho de 2019
Anuncie Aqui
8828-->
Política

Governo libera captação de quase R$ 1 mi para DVD de Vanessa da Mata

25 JUL 2007 - 14h09min
folha on line

O Ministério da Cultura liberou na última sexta-feira (20) a captação de R$ 900 mil, por meio de leis de isenção fiscal, para a gravação de um DVD de Vanessa da Mata. O DVD vai registrar ao vivo as músicas do álbum "Sim", que será distribuído pela gravadora Sony BMG, uma das gigantes da indústria fonográfica mundial.


A proposta inicial da produtora carioca Conteúdo Digital Filmes, responsável pelo DVD, solicitava um valor de quase R$ 1,5 milhão (exatamente R$ 1.478.445,68) para o projeto --dos quais o ministério aprovou R$ 900 mil pela Lei do Audiovisual.


A lei autoriza quem investir no DVD (ou em produções culturais) a deduzir os gastos posteriormente no Imposto de Renda. Assim, os R$ 900 mil que seriam destinados ao erário vão para a produção do DVD. O assunto desperta polêmica porque se trata de um produto altamente comercializável e com previsão de lucro. Além disso, tem por trás uma multinacional da indústria fonográfica.


O disco "Sim", que agora vai virar DVD, vendeu 27 mil cópias desde o lançamento em dois meses e chegou a integrar a lista dos dez discos mais vendidos no Brasil.


A Secretaria do Audiovisual, vinculada ao Minc (que determina quem merece o benefício), justificou a autorização do projeto. Para a secretaria, tudo está dentro da legislação. "Saliento que o objetivo apresentado pelo proponente foi a gravação de um DVD para fomentar a nova geração da música popular brasileira", diz a secretária substituta do audiovisual, Tania Leite.


Ela ressalta que o show (aquele em que será feita a gravação) será gratuito. Diz ainda que "serão distribuídos gratuitamente 3.500 exemplares dos 25 mil que serão produzidos". Não foi informado quantos desses exemplares "gratuitos" serão destinados a divulgação em rádios, TVs, sites etc.


Perguntado sobre o motivo da solicitação junto ao Minc, Nadym de Cassar Netto, um dos diretores da Conteúdo, disse apenas que "a legislação determina que projetos audiovisuais, para fazerem jus a qualquer tipo de incentivo, devem ser apresentados, analisados e aprovados pelo Ministério da Cultura".

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Getam flagra motorista furando sinal em alta velocidade em Aquidauana

2
Policial

Mulher se separa de marido violento e passa a ser ameaçada por ele

3
Policial

Polícia Civil, PM e PRF prendem ladrões de joalheria e recuperam jóias roubadas

4
Policial

Ex-goleiro Bruno sai da prisão e vai para o semiaberto

Vídeos

Ministro do Turismo lança em Bonito programa para geração de empregos e renda no MS

Com atrações tradicionais e elenco de programa de TV, circo é atração para família

Bombeiros resgatam gatinhos presos no motor de veículo

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min21 max33

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min21 max33

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,75m
Miranda
2,73m
Paraguai
3,91m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Quero...

Fausto Matogrosso

O Brasil diante do mundo

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: EDUCAÇÃO, QUEM PRECISA?

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Marcelo H. Nakamiti - Oftalmologista

Rua Manoel Antonio Paes de Barros, s/nº Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4371
Auto Elétrica/Oficinas

Auto elétrica Centro Aquidauana

Assis Ribeiro, 506 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 5932
Óticas

Ótica e Relojoaria Zenith

Rua Estevão Alves Corrêa, 568 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Ver Mais
508110637