A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
16 de dezembro de 2018
Anuncie Aqui
Política

Londres implode plano de cooptação do PMDB

11 SET 2007 - 09h03min
conjuntura on line /Chico Ribeiro

O deputado estadual Londres Machado, presidente regional do PR, impediu a saída do prefeito de Caarapó, Mateus Palma de Faria, que se preparava para ingressar no PMDB a convite do governador André Puccinelli.


Além de Mateus, o governador tem como certa a filiação dos prefeitos republicanos Roberto Hashioka (Nova Andradina) e Zelmo de Brida (Naviraí).


Desta forma, o alerta de Londres Machado sobre a possibilidade de os partidos aliados do governador se afastarem da base pela "voracidade" do PMDB em cooptar prefeitos, começou a surtir efeito.


Prestes a ingressar no PMDB diante do assédio que vinha recebendo, o prefeito de Caarapó decidiu recuar após reunião que manteve com o parlamentar e André Puccinelli na semana passada. "Fico onde estou. O PR tem dado sustentação à minha administração e não vejo necessidade de mudar", disse.


A respeito, Londres Machado disse que usou "o poder de convencimento" para evitar que Mateus deixasse a legenda. "É assim que tem de ser. Conversando, analisando quadro político e vendo todas as possibilidades", afirmou, lembrando que a maneira como o PMDB estaria agindo com essas investidas é "anti-ética" e com a qual não concorda. "Não é assim que faz", ensinou.


Londres espera que o governador abra espaço para o diálogo com os aliados.


Na realidade, o parlamentar acabou indicando o caminho para solução do impasse com a base aliada, ou seja, despertou o governador para agir "como um magistrado" sobre a cooptação, levando-se em conta o quadro político de cada município. "É assim que tem de ser", afirmou.


Mateus confirmou que vinha sendo assediado por lideranças do PMDB. "prefiro não citar nomes", disse -, mas após reunir-se com o presidente do partido e com o governador, decidiu permanecer no PR, onde está filiado desde 2002.


Ele disse que ficou "lisonjeado" de ter recebido convite dos peemedebistas o que demonstra, segundo ele, que o Partido da República está tendo uma atuação político-administrativa com visibilidade.


Londres Machado disse ainda que o PR não vai mudar, ao menos "por enquanto", sua posição em relação ao apoio ao governo André Puccinelli. Mas lembrou que o partido "está com toda a vontade de participar das próximas eleições. "Estamos nos preparando para isso e devemos lançar vários candidatos", afirmou.

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

Diabética e cega, jovem quer ajuda para fazer consulta e conseguir transplante

2
Anastácio

Família que perdeu tudo em incêndio precisa de doações para recomeçar

3
Aquidauana

Alespana e Marinha preparam fuzileiros para o mercado de trabalho em Aquidauana

4
Anastácio

Casa pega fogo, chamas consomem todos os pertences e matam o cachorrinho de casal

Vídeos

Entrevista com os produtores do Longa-Metragem sobre Sasha Siemel

Tráfego de carretas no cruzamento da Duque de Caxias causa preocupação na população.

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Paraguai
2,52m
Miranda
5,26m
Aquidauana
2,66m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Preciso...

Manoel Afonso

MDB sobreviverá sem Puccinelli?

Alessandro Arruda

As leis e nossa incapacidade de produzi-las

Ver Mais Colunas