A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
15 de setembro de 2019
Anuncie Aqui
8834-->
Saúde

Hábito de fumar é principal causa de óbito evitável do mundo

Em Mato Grosso do Sul, um projeto de lei propõe a extinção dos ?fumódromos?

31 MAI 2013 - 06h45min
redação
O tabagismo é a principal causa de óbitos evitáveis no mundo. Para se ter uma ideia, aproximadamente 10 mil pessoas morrem por dia, vítima de alguma doença associada ao hábito de fumar. Para alertar a população sobre os malefícios do cigarro e estimular que o fumante abandone o cigarro, a Organização Mundial de Saúde instituiu todo 31 de maio como o Dia Mundial de Combate ao Tabagismo.
 
Em Mato Grosso do Sul, um projeto de lei propõe a extinção dos ?fumódromos?, espaços destinados a fumantes nos estabelecimentos comerciais. O projeto de lei utiliza, como justificativa, estudos que apontam que leis mais restritivas contra o fumo são capazes de promover mais benefícios à saúde, como a redução de 15% das hospitalizações por ataque cardíaco, no período de um ano.
 
Outro ponto destacado pelo projeto é a redução de gastos com a saúde pública, referentes a internações e tratamento de doenças em decorrência do fumo. 
 
A presidente da Comissão de Direito à Saúde da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), Flavia Cristina Roberto Proença, destaca a preocupação da Seccional com o risco do tabagismo à saúde dos cidadãos. ?O aperfeiçoamento da Legislação Federal e Estadual com vistas à redução dos males do tabagismo, seja ele passivo ou não, são evoluções bem vindas que refletem na qualidade de vida de todos e influenciam drasticamente na redução dos custos em relação ao tratamento de pacientes com enfermidades desencadeadas pelo consumo do tabaco e derivados?, finaliza.   
 
Flavia lembra ainda que a fumaça do cigarro não atinge somente quem fuma, mas também acomete doenças ao ?fumante passivo?, aquele que inala a fumaça por conviver com um fumante. A chance de um fumante passivo sofrer um infarto chega a aumentar 24% do que em uma pessoa que não seja exposta ao cigarro. 
 
De acordo a advogada, no ano de 2012, por meio da Comissão de Meio Ambiente (Comam), foi divulgada a petição pública Brasil+Verde: jardins e praças livres do tabaco. ?O objetivo era a aprovação de uma lei antitabaco que proíba eficazmente a exposição à fumaça do tabaco em áreas abertas, como jardins, praças, parques infantis, áreas destinadas à práticas esportivas e lazer?, explica.  
 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Mãe entra em contato com O Pantaneiro para saber paradeiro de filho

2
Policial

‘Valentão’ tira a camisa e parte para cima de policiais dizendo que é advogado

3
Policial

Foragido espanca esposa na qual já deu tiro no olho e é preso em flagrante

4
Aquidauana

Bazar da Manu acontece neste sábado no salão da Nossa Senhora das Dores

Vídeos

Celebração de casamento é marcada por cerimônia tradicional de cultura africana

Mulheres tentam entrar em presídio de Dois Irmãos do Buriti com celulares dentro de TVs

Com dedicação e disciplina, Marcos Henrique conquista 1º contrato profissional

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min21 max39

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min21 max39

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,23m
Miranda
1,90m
Paraguai
3,03m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

É...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: O QUE TEMOS A COMEMORAR EM MAIS ...

José Pedro Frazão

A última batalha do Analista de Taunay

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Escolas de Línguas

Escola Inglês e Espanhol - CCAA

Rua 7 de setembro, 1225 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 5699
Telefones Úteis

Policia Civil - 1º DP

Luís da Costa Gomes, 555 Cidade Nova - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2020/3241-
Hospitais/Postos de Saúde

Posto de Saúde da Santa Terezinha - Centro de Saúde Dr. Cláudio Fernando Estela

R. Carlos Ferreira Bandeira, s/nº Stª Terezinha - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4027
Ver Mais
508510754