A edição digital do jornal O Pantaneiro é restrita para assinantes.Assine
17 de Outubro de 2017
Anuncie Aqui
8502
Turismo

Em Mato Grosso do Sul: conheça a cidade que quadriplica o número de habitantes quatro dias por ano

Uma festa tradicional que movimenta a pequena cidade de 3,5 mil habitantes e reverte lucro para a rede municipal de saúde

13 OUT 2017 - 14h09min
Diana Gaúna

Em Mato Grosso do Sul uma cidade de R$ 3,5 mil habitantes praticamente quadriplica sua população durante quatro dias por ano. Uma festa tradicional que conta com recursos destinados por meio de emendas parlamentares faz o comércio girar e ainda arrecada dinheiro extra para ser aplicado na rede municipal de saúde.

Festa é um dos eventos mais tradicionais do interior de MS e agita a vida dos moradores da pequena Taquarussu

As emendas e os convênios têm financiado boa parte das ações que estão fazendo a diferença na vida de milhares de pessoas no Estado. Após conquistar o 1º lugar do Brasil, o Governo de Mato Grosso do Sul está disseminando a expertise de elaboração de propostas e gerenciamento de convênios nos 79 municípios. A ferramenta traz dinheiro novo e contempla ações que vão desde saúde a festas tradicionais no Estado.

Capacitação em elaboração e gestão de convênios é levada pelo Governo de MS para 79 municípios do Estado.

As emendas e os convênios têm financiado boa parte das ações que estão fazendo a diferença na vida de milhares de pessoas no Estado. Após conquistar o 1º lugar do Brasil, o Governo de Mato Grosso do Sul está disseminando a expertise de elaboração de propostas e gerenciamento de convênios nos 79 municípios. A ferramenta traz dinheiro novo e contempla ações que vão desde saúde a festas tradicionais no Estado.

Festa do Peão em Taquarussu recebe visitantes de todas as partes do Brasil e do mundo.

Taquarussu foi instituído pela Lei Estadual nº 3708, de 24 de maio de 1976, e era um distrito do município de Batayporã. Em 1977 a região passou a fazer parte do atual estado de Mato Grosso do Sul. Somente no dia 12 de maio de 1980, por meio da Lei Estadual nº 77, foi elevado oficialmente à categoria município. Atualmente, a população estimada é de 3570 (IBGE 2017). Segundo os moradores, durante os festejos, a cidade chega a quadruplicar o número de habitantes.

O frentista Aidom Gomes, de 38 anos, explica que a festa do peão é uma tradição e que, inclusive, nos últimos anos, a comunidade conquistou um recinto exclusivo para rodeios, tamanha a importância do evento para a região. “A Prefeitura realizava a festa na praça e sempre foi no período de aniversário do município. A nossa Festa do Peão é considerada a maior da região do Vale do Ivinhema. Além do pessoal das cidades vizinhas e do Estado, vem gente do Paraná, São Paulo e entre os profissionais que disputam tem até peões de Barretos, do Colorado [Texas]. É uma festa de suma importância para a economia da nossa cidade”, declarou.

O frentista Aidom conta que muitos profissionais renomados vem competir em Taquarussu.

A festa é realizada todos os anos no Parque de Exposições José Modesto Dias e organizada pela Associação Amigos do Rodeio. O evento também conta com o apoio de comerciantes e empresários de Taquarussu. Além dos shows, há queima de fogos e o tradicional Campeonato de Montarias em Touro, que reúne competidores de todo o país e distribuiu em 2017 mais de R$ 20 mil em prêmios.

Campeonato de montaria em touros atrai competidores de diversas localidades.

 

A festa deste ano reuniu grandes nomes da música sertaneja regional e também nacional, como as duplas Jads e Jadson, Leo e Rafael, Jorge e Willian, Elvis e Adriano, Paulo e Paulino e Banda Alma Viva, que animaram o público durante os quatro dias de evento. A edição 2017 também teve direito a almoço, praça de alimentação, leilão e apresentações do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Adolescentes.

Festa ainda tem almoço tradicional, leilão de gado e praça de alimentação para os convidados.

Além de girar o comércio local e de toda a região do Vale do Ivinhema, fortalecer a cultura, proporcionar lazer e entretenimento, a festa ainda financia a saúde dos habitantes. Isso porque todo o dinheiro arrecadado no evento é revertido para a rede de saúde municipal.


Recursos arrecadados com a festa são destinados para atender a rede municipal de saúde.

Apesar da festa ser o principal, a cidade mantém inúmeras outras ações por meio de convênios e emendas parlamentares. Conforme dados do IBGE, a economia do município depende de recursos extras – fora do orçamento municipal. Isso porque Taquarussu tem 94% do percentual de receitas municipais provenientes de fontes externas (IBGE 2017).

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Promotora dá prazo de 24h para retirada de ambulantes do Centro de Aquidauana

2
Aquidauana

Briga de casal termina com dois esfaqueados no Nova Aquidauana

3
Aquidauana

Maratonista que morreu após queda pode ter sofrido crise epilética

4
Aquidauana

Casa do Trabalhador de Aquidauana oferece 11 vagas de emprego nesta terça-feira

Vídeos

4ª Marcha pela Vida - Aquidauana MS

Fiações rompidas são recuperadas e motoristas ‘fora do padrão’ podem ser responsabilizados

Moradores de Anastácio flagram óleo descendo para Rio Aquidauana

Ver mais Videos

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,87m
Miranda
2,28m
Paraguai
2,41m

Colunas e Blogs

Raquel Anderson

Oswaldão e o horário de Verão!

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Viajar só faz bem...

Pedro Puttini Mendes

Aquidauana: "meio" ambiente ou um ambiente inteiro?

Ver Mais Colunas
498110752