X
Anastácio

OAB-MS suspende preventivamente advogado de Anastácio preso por pedofilia

Medida vale por 90 dias

Material apreendido no veículo do advogado / Divulgação

O advogado suspeito de participar esquema de pedofilia, em Anastácio, com participação de familiares das adolescentes vítimas, teve os direitos de atuação profissional suspensos preventivamente, por decisão da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul).

Sob a relatoria do Advogado Carlos José Reis de Almeida, o Tribunal de Ética e Disciplina da OAB-MS entendeu que houve grave repercussão à dignidade da advocacia e suspendeu o advogado por 90 dias, prazo este que o processo ético deverá ser concluído.

O investigado foi preso em flagrante, no final de novembro, quando a delegada Joilce Ramos, da DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher), em momento de folga, avistou a caminhonete dele na saída da cidade, que fica nas proximidades de motéis. Ele já era investigado pelo crime há meses.

Ela chamou reforço da Polícia Militar para fazer uma abordagem. O homem estava com três adolescentes, de 11, 12 e 15 anos, consumindo bebidas alcoólicas.

Com ele havia remédios estimulantes sexuais e embalagens de camisinhas. Questionado, disse que levaria as meninas para lanchar com autorização dos pais. No entanto, ele seguia sentido saída de Anastácio, onde estão localizados motéis que costumava visitar.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Meio Ambiente

Decreto de emergência em MS garante celeridade na resposta aos incêndios florestais

Pantanal vive nova tragédia ambiental

Segurança

INSS confirma exposição de dados de até 40 milhões de segurados

Cadastro de aposentados e pensionistas teve segurança reforçada

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo