23 de setembro de 2021
Anuncie Aqui
Anos de experiência

Dona Izaura é a mulher inquieta que revela como chegar aos 90 "numa boa"

Viúva ativa, vegetariana pioneira e "chegadinha" na Bíblia, ela compartilha seus rituais e dá dicas sobre sua "fórmula" de vida: "estar comigo basta... e muito!"

23 JUL 2021 - 09h27min
Raul Delvizio

Batendo na trave dos 90 anos, a prudentina e aquidauanense de coração Izaura Francisca de Oliveira é uma das nossas queridas figuras. Mulher da roça, atualmente aposentada – mas nenhum pouco conformada –, ela continua sendo uma mulher super ativa até os dias de hoje. Viúva nada solitária (afinal, é a matriarca de "apenas" 12 filhos e 15 netos), se trata da vegetariana pioneira na cidade e a "chegadinha" na Bíblia (já leu de cabo a rabo inúmeras vezes), com muito fervor na fé.

Central Pax_10

Será essa a sua fórmula de vida?

Batendo na trave dos 90 anos, Dona Izaura é a aquidauanense de coração que nos ensina a levar a vida "numa boa".

É o que o O Pantaneiro gostaria de descobrir. Dona Izaura é uma daquelas pessoas que fala o suficiente para nos ensinar muito. Nada mais justo do que oportunizar uma reportagem sobre essa senhora que simplesmente se descreve como a mulher mais alegre do mundo, em que sua companhia basta – e muito.

Então, diz aí dona Izaura, como fazermos para chegarmos lá?

"Acho que a alegria é o melhor dos caminhos. Nunca fui triste, sempre me mantive uma pessoa feliz mesmo em meio às adversidades. É a minha essência. Porque a vida é isso mesmo, viu? Se eu pudesse dar apenas um conselho, diria: 'não tenha tempo ruim'. Se você levar a vida numa boa, ela vai te levar numa boa também".

"Acho que a alegria é o melhor dos caminhos... sempre me mantive feliz em meio às adversidades; é a minha essência".

Dona Izaura continua a ser a mulher ativa que sempre foi, mesmo hoje aos 88 anos. "Não tenho a menor vontade de parar, meu filho. E se eu parar, é porque estarei doente, com os dias contados", afirma.

A primeira coisa que essa senhorinha faz ao acordar – antes do raiar do dia, bem cedinho mesmo – é orar. "Afinal, sou uma pessoa pautada em muita oração", confirma. Depois prepara seu chá, nada de café, faz alguma coisinha para comer e já segue na sequência com as diversas atividades planejadas para o dia.

Aos 88 anos, dona Izaura é a mulher bastante ativa que já vai cuidar das suas "queridas" (as flores) ao acordar.

"Vou direto para as flores. Depois, cuido dos meus cachorrinhos. Claro, sem esquecer de ler a Bíblia todo santo dia. É minha forma de agradecer por estar viva! Ainda, cuido da casa, lavo roupa, faço o almoço, carpo o quintal e cuido um pouquinho mais das minhas 'queridas' [flores]", detalha.

Ainda, dona Izaura "esconde" um lado seu de pioneira (e muito antes de virar moda): o vegetarianismo. "Isso há 47 anos, viu?", se orgulha. A motivação veio como um ato de fé, quando entrou para a comunidade adventista.

"Todos estranhavam, falavam que eu iria passar fome. Mas não passei. Hoje em dia as pessoas já estão mais acostumadas com isso do que no passado, já é algo bem comum", afirma.

Adventista fervorosa, dona Izaura foi umas das pioneiras no vegetarianismo, seguindo há 47 anos com o mandamento.

Morando sozinha e levando sua vidinha na mesma casa que há anos mora em Aquidauana, dona Izaura é aquele tipo de pessoa que sua companhia basta – e muito.

"Só nós mesmos formamos a nossa melhor companhia. Mas claro que é sempre bom ter alguém que amamos por perto para cuidar da gente também de vez em quando", revela sobre os filhos e netos que não deixam de frequentar a residência da matriarca, eixo central da vida da família Oliveira.

Pautada na fé, dona Izaura nunca deixou as orações de lado; tanto é que já leu a Bílbia Sagrada inúmeras vezes.

Para ela, a idade serve apenas para uma coisa só: sabedoria. Mesmo morando em uma cidade do interior, dona Izaura acompanhou de perto a mudança, da vida social, das tecnologias, do mundo. Mas, se pudesse dar um palpite, o que arriscaria que mais está faltando?

"Certamente a união! Se todos nós fôssemos mais unidos estaríamos bem diferente agora. Acho que a religião faz falta nesse sentido. Somos todos filhos de Deus, então deveríamos seguir o caminho da vida de uma forma mais unânime", acredita.

Já na "temporada" covid, o aprendizado que ela mesmo carrega é outro. "O vírus veio para nos mostrar que a nossa desobediência é grande, e que precisamos parar de só fazer o mínimo e nos cuidar mais, bem mais", opina.

"A covid veio para nos mostrar que a nossa desobediência é grande, e que precisamos nos cuidar mais, bem mais".

Para descontrair e encerrar a conversa com O Pantaneiro, essa senhorinha gente fina faz até uma piada:

"Nos meus tempos de criança, me lembro de apanhar 'bonito' dos meus pais pra parar de rir. Quando eu morrer, acho que vai ser a mesma coisa, mas sem palmada! É que na minha simplicidade eu sou feliz..."

"Muito provavelmente, vou dar risada até debaixo do chão, enterrada a sete palmos dentro do caixão!"

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Motociclista tem mal súbito e morre em rua da Santa Terezinha

2
Aquidauana

Câncer tira a vida de Lilian, agente comunitária de saúde em Aquidauana

3
Geral

Inmet alerta: vendaval na região pantaneira e para outras 33 cidades de MS

4
Geral

Velório de Lilian Oliveira está sendo realizado nesta quarta-feira

Informe Publicitário

Informe

Só a Dale Sorvetes tem delícias geladas por apenas R$ 1,50!

Previsão do Tempo

min22 max36

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min22 max36

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Não...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

ESCOLA PARTICULAR IRENE CICALISE

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Restaurantes

Joinha Restaurante e Pizzaria

Rua Antonio João, 443 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 5754
Telefones Úteis

Delegacia da Mulher

Luis da Costa Gomes, 555 Cidade Nova - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1172
Transportes

Viação CRUZEIRO DO SUL

Rua Nelson Felício dos Santos, 145 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2929
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo