16 de abril de 2021
Anuncie Aqui
-->
Brasil

Anvisa se reúne com responsáveis por vacina indiana Covaxin

Na reunião, foram discutidos requisitos para uso da vacina no país

4 MAR 2021 - 14h00min
Agência Brasil

Representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), do laboratório indiano Bharat Biotech, da empresa brasileira Precisa Farmacêutica e do Instituto Albert Einstein se reuniram hoje (4) para discutir os requisitos para que a vacina indiana Covaxin, contra covid-19, possa ser utilizada no Brasil.

IvrNet_Campanha de Páscoa 11

A reunião foi divulgada pela Anvisa, que disse tirar “todas as dúvidas dos envolvidos para auxiliar no andamento do processo”.

A agência apresentou às empresas responsáveis dois caminhos: o pedido de autorização para a realização de testes clínicos no Brasil, em busca de um registro definitivo; ou a apresentação de resultados de estudos da fase 3 realizados em outros países, que pode levar ao aval para o uso emergencial da vacina.

Em relação ao uso emergencial, contudo, a Anvisa destacou que “a decisão sobre como e quando será feito o pedido é exclusiva da empresa”.

Nesta semana, cinco técnicos da Anvisa inspecionam as instalações da Bharat Biotech na Índia. Caso atenda a uma série de critérios, a empresa receberá um Certificado de Boas Práticas de Fabricação, documento necessário para que a vacina desenvolvida pela empresa possa ser utilizada no Brasil. 

Na semana passada, o governo anunciou ter assinado um contrato para a compra de 20 milhões de doses da Covaxin, com entrega prevista entre março e maio. A utilização do imunizante, contudo, depende da autorização da Anvisa.

Até o momento, somente duas vacinas possuem autorização para uso emergencial no Brasil: a Coronavac, da chinesa Sinovac e produzida no país pelo Instituto Butantan; e a vacina Covishield, desenvolvida pela empresa AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford, que é produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).    

Apenas uma vacina recebeu registro definitivo da Anvisa até o momento, o imunizante desenvolvido pela norte-americana Pfizer.  

Eficácia

Ontem (3), o Bharat Biotech divulgou os resultados clínicos de estudos da fase 3, segundo os quais a Covaxin possui eficácia de 81% contra a contaminação por covid-19. A Covaxin é aplicada em duas doses, a partir de vírus inativado e pode ser armazenada em temperaturas que variam de 2ºC a 8ºC, de acordo com a fabricante. O imunizante é um dos dois que foram aprovados para uso emergencial pelo governo indiano. 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Esportes

Partida entre Aquidauanense e Águia Negra é marcada por tiros, prisão e confusão generalizada

2
Policial

Polícia divulga foto e busca homem que matou atual da ex e deixou bebê em estado grave

3
Geral

Aquidauanense José Real morre no interior de SP em decorrência de câncer

4
Geral

Corpo de bombeiros é acionado para combater incêndio em Aquidauana

Vídeos

Vídeo: Casal furta televisões de loja no centro da capital, em plena luz do dia

Apoiadores de Bolsonaro saem às ruas pedindo não ao Lockdown e sim à Intervenção Militar

Estreia Curta Metragem A Paixão de Cristo

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min22 max32

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min22 max32

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,52m
Miranda
2,20m
Paraguai
1,80m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Um...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

ATENÇÃO! ATENÇÃO!

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: EXÉQUIAS

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Hospitais/Postos de Saúde

FUNRURAL - Associação Beneficente Ruralista

Rodovia Aquidauana - CERA, Km 04, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241- 4123 / 32
Telefones Úteis

Receita Federal

Rua Luis da Costa Gomes, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2640/1383
Agências de Viagem e Operadoras

Buriti Viagens e Turismo

Manoel Antonio de Barros, 720 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2718
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo