Nas...

24/10/2021 18:02:00


Nas...

Curvas destoantes da política...
Alguns, escamoteiam... Verdades!
Malando, sobrevivência... “Necessidade!”
Diante de os fatos, abomina... “Crítica!”
Mantendo as tradições... “Cabalísticas!”
Lei de Gerson... “Levar vantagem!”
Malabarismo, hipnose... Bagagem!
Saída, voto não se troca... “Favores!”
Não ceda à chantagem, mediadores...
Velhos, bandidos, inovam...  “Roupagens!”


Algumas regras, sendo mudadas...
Mas, benefício coletivo... Nenhum!
Nos bastidores, falácias... “Zum, zum!”
Realmente, ele e os seus... “Beneficiados!”
Segundo o dito: “Esquemas... Montados!”
A sociedade, pagando... “Farra!”
Em dificuldades, obstáculos... “Esbarra!”
Porém, reclamar em nada... “Adianta!”
Barreiras, muralhas, levantam...
Imprescindível, urgente, romper... “Amarras!”


O povo parece, continuar... “Hibernado!”
No popular, pagando, pra... “Ver!”
Realidade, o pior, vai... “Acontecer!”
Escabrosos acontecimentos... “Calados!”
Ao reconhecer que votou, errado...
Da mudança, o primeiro... “Passo!”
Velhos tamanduás, distribuindo... “Abraços!”
Além, de sarcástico, malandro... “Pervertido!”
A moral, os bons costumes, agredidos...
Pobre, desalentado, sem rumo... “Bagaço!”


Mudança de discurso... “Repertório!”
É questão de postura... “Atitude!”
Saibamos, não é fim... “Ataúde!”
Questione, produza... “Contraditório!”
Portanto, não fique esperando... “Velório!”
Para dizer a outrem... “Eu te amo!”
Da árvore social, somos... “Ramos!”
Nossas atitudes, frutos... “Semente!”
Priorize o discurso, competente...
Veja em que barco furado... “Entramos!”

Poema: Valdemir Gomes dos Santos 25/10/2021

 

 


Valdemir Gomes - Valdemir Gomes