X
Crueldade

Idosa descobre golpe de R$ 36 mil após ficar sem aposentadoria em Ladário

A idosa depende da renda para sobreviver

Idosa de 65 anos está vivendo um drama depois que ela teve a conta bancária na Caixa Econômica Federal, bloqueada e impedida de receber o pagamento do INSS, de um salário mínimo (R$ 1.212,00). Empréstimos que ultrapassam R$ 36 mil foram realizados em seu nome e ela garante que não autorizou nenhuma transação bancária.

Em entrevista ao Diário Corumbaense, a neta da idosa, Adrielli Aparecida da Silva Neves, de 28 anos, explicou que nem ela e nem a avó, sabem como dois empréstimos foram realizados. O primeiro foi de R$ 15.194,47 e outro de R$ 21 mil, totalizando R$ 36.194,47.

Adrielli contou que o golpe sofrido pela avó só foi descoberto no dia em que ela foi sacar a aposentadoria na agência bancária. “Ela sempre vai sozinha receber o pagamento dela e ao chegar lá na agência, no dia 30 de junho, não conseguiu sacar o dinheiro, pois o cartão dela estava bloqueado. Ela foi saber o motivo e, para sua surpresa, foi avisada que havia empréstimos em seu nome”, falou.

Ainda segundo a neta, em conversa com a avó, ela negou ter fornecido algum tipo de documento ou tenha autorizado esses empréstimos. “Sentei e conversei com calma, ela garantiu que não havia autorizado ou falado com ninguém pelo telefone ou enviado algum tipo de documento pelo celular. O que nos deixa preocupadas é como o banco autorizou os empréstimos no nome dela, ainda online, sem ao menos ela ser informada de nada ou ter autorizado?”, questiona.

O desespero da idosa é não conseguir receber o dinheiro da aposentadoria. “Ela não recebeu nada. Sobrevive desse dinheiro todo mês, não tem outra renda. Pelo que vimos nos extratos bancários, desses valores dos empréstimos, há cerca de R$ 3 mil que ainda estão bloqueados. Queremos uma resposta”, pede a jovem.

Em relação ao banco, a neta mencionou que a gerência alega que a Polícia deve fazer a investigação. “Fomos à Polícia e eles pediram para a gente procurar Procon e abrir reclamação contra a Caixa. Lá, nos orientaram a procurar a Defensoria Pública ou contratar um advogado para que esses valores não sejam cobrados dela e a conta desbloqueada”, informou.

O boletim de ocorrência registrado na Delegacia de Ladário, como estelionato contra idoso, informa que os valores dos empréstimos foram transferidos através de Pix e Ted, em nome de dois homens. A idosa afirma que não conhece os autores e registrou o BO, pois não foi ela quem contratou os empréstimos e agora tem descontos em seu pagamento devido à prática criminosa.

“Fizemos o boletim de ocorrência para podermos pegar a documentação e histórico da conta, que comprovam os empréstimos”, falou a neta.

Movimentação bancária

Comprovantes da conta bancária da idosa fornecidos ao Diário Corumbaense mostram a movimentação da conta. Até o dia 08 de junho, a idosa tinha o valor de R$ 74,16. O primeiro empréstimo, de R$ 15.194,47 foi feito no dia 14 de junho, totalizando R$ 15.268,63. Desse valor, no dia 15 de junho, foi realizado um Pix de R$ 15.200,00, ficando na conta dela R$ 68,63.

No mesmo dia, 15 de junho, outro empréstimo foi realizado, desta vez, no valor de R$ 21.000,00 e a conta ficou com saldo total de R$ 21.068,63. Neste mesmo dia, foi feito um Pix de R$ 14.800,00 sobrando na conta o valor de R$ 6.268,63. Logo em seguida, desse total, foi transferido por Ted, R$ 3 mil, ficando na conta da idosa, R$ 3.268,63, que estão bloqueados pelo banco.

A reportagem tentou contato com a Caixa, mas não obteve retorno na agência local. No começo da tarde, a assessoria de imprensa do banco, em Campo Grande, informou que o caso está sendo apurado.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Economia

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 30 milhões

O sorteio será às 20h, horário de Brasília, em São Paulo

Economia

Levantamento aponta que etanol ainda lidera maior variação entre combustíveis

O litro do etanol comum apresentou diferença de 18,55%, quando pago no cartão de crédito

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo