03 de agosto de 2021
Anuncie Aqui
Refis

Empresas ainda tem superdescontos para regularizar débitos do ICMS

27 FEV 2020 - 11h22min
Assessoria

O Programa de Recuperação de Créditos Fiscais (Refis) do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) está a pleno vapor. Conduzido pela Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz), o Refis é uma oportunidade concedida pelo Governo do Mato Grosso do Sul aos empresários em débito com o fisco estadual, para quitar suas dívidas.

Padaria Dois Irmãos_02_ 02 a 08/08

A Sefaz informa aos empresários que após o feriado ainda há tempo para aderir ao programa. Isso porque o Refis segue até março com superdescontos. Os débitos podem ser pagos em três formas diferentes. A primeira delas à vista, em parcela única, com redução de 95% das multas, punitivas ou moratórias, e de 80% dos juros de mora correspondentes.

A segunda é com duas ou até 60 parcelas, com redução de 80% das multas, punitivas ou moratórias, e de 60% dos juros de mora correspondentes – desde que a parcela tenha o valor mínimo de 10 UFERMS e não seja inferior a 5% do crédito tributário.

O terceiro e último formato para adesão é para grandes devedores, que podem fazer o pagamento dos débitos em até 90 ou 120 parcelas (a depender do valor) e com desconto de 80% sobre multas e 60% sobre juros.

Conforme o secretário Estadual de Fazenda, Felipe Mattos, a expectativa de arrecadação está entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões. Podem participar contribuintes que tenham fatos geradores até 31 de dezembro de 2018, ou seja, débitos referentes a 2019 não entram no Refis.

“Este é um Refis mais agressivo, com redução significativa de juros e multas. Para devedores de grande vulto, com débitos acima de R$ 10 milhões, é possível reparcelamento em até 10 anos, por exemplo. Vale destacar que estar em dia com o fisco permite que, além de regularização tributária, esses contribuintes participem de licitações, processos de compra do Governo e tenham certidão negativa em relação a esses débitos devidos ao Estado”, explicou Mattos.

Os interessados devem procurar a Agência Fazendária (Agenfa) mais próxima ou acessar o site da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz-MS). Já os contribuintes com débitos inscritos em Dívida Ativa que já foram ajuizados deverão se dirigir à Procuradoria-Geral do Estado (PGE). Até o final de janeiro, foi contabilizada a entrada de R$ 24 milhões nos cofres públicos do total de R$ 192 milhões negociados.

Além de recompor o caixa, o Refis oportuniza aos contribuintes com débito o pagamento facilitado de pendências tributárias. O secretário destacou ainda que 25% do valor arrecadado será repartido com os municípios, obedecendo o critério do Índice de Participação dos Municípios (IPM).

 

Veja também

Mais Lidas

1
Geral

Confira as oportunidades da Casa do Trabalhador de Aquidauana

2
Geral

Corpo de Bombeiros Militar envia aeronave com médico para socorrer criança no Pantanal

3
Aquidauana

Herói pantaneiro, seu Jerônimo chega aos 100 com sorriso no rosto e vitalidade para "dar e vender"

4
Aquidauana

Admiradora da PM ganha festa temática em Aquidauana

Informe Publicitário

Informe

De barraca a supermercado, poema conta história da Rede Atlântico

Previsão do Tempo

min15 max32

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min15 max32

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,88m
Miranda
1,67m
Paraguai
1,00m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Chega...

Rosildo Barcellos

Aruanã Etô – É o lugar das máscaras !

Gabriel Novis Neves

A GRATIDÃO TAMBÉM É VIRTUDE ETERNA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Ag. Correios

Agencias dos Correios

Marechal Mallet, 255 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2976
Telefones Úteis

Policia Civil - Delegacia Regional - DRPA

Luís da Costa Gomes, 555 Cidade Nova - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241- 8203
Ponto de Táxi

Ponto de Táxi Nº 4

Rua Estevão Laves Correa, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2410
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo