X
Economia

Receita abre consulta ao 3° lote de restituição do IRPF 2022 nesta sexta-feira

Serão contemplados 5.242.668 contribuintes, entre prioritários e não prioritários

O crédito bancário para 5.242.668 contribuintes será realizado no dia 29 de julho / Divulgação

A Receita abre nesta sexta-feira (22), consulta ao terceiro lote de restituição do IRPF 2022.

No total, serão contemplados 5.242.668 contribuintes, entre prioritários e não prioritários.

O valor total do crédito é de R$ 6,3 bilhões. Esse lote contempla também restituições residuais de exercícios anteriores.

O crédito bancário para 5.242.668 contribuintes será realizado no dia 29 de julho, no valor total de RS 6,3 bilhões.

Desse total, R$ 285.789.146,12 referem-se ao quantitativo de contribuintes que têm prioridade legal, sendo 9.461 contribuintes idosos acima de 80 anos, 62.969 contribuintes entre 60 e 79 anos, 6.361 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave e 29.540 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério.

Também foram contemplados, 5.134.337 contribuintes não prioritários que entregaram a declaração até o dia 3 de maio deste ano.

Para saber se a restituição está disponível, o contribuinte deve acessar a página da Receita na internet (www.gov.br/receitafederal), clicar em "Meu Imposto de Renda" e, em seguida, em "Consultar a Restituição".

A página apresenta orientações e os canais de prestação do serviço, permitindo uma consulta simplificada ou uma consulta completa da situação da declaração, por meio do extrato de processamento, acessado no e-CAC. Se identificar alguma pendência na declaração, o contribuinte pode retificar a declaração, corrigindo as informações que porventura estejam equivocadas.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que possibilita consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

O pagamento da restituição é realizado diretamente na conta bancária informada na Declaração de Imposto de Renda, de forma direta ou por indicação de chave PIX.

Se o crédito não for realizado (por exemplo, a conta informada foi desativada), os valores ficarão disponíveis para resgate por até 1 (um) ano no Banco do Brasil. Neste caso, o cidadão poderá reagendar o crédito dos valores de forma simples e rápida pelo Portal BB, acessando o endereço: https://www.bb.com.br/irpf, ou ligando para a Central de Relacionamento BB por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

Caso o contribuinte não resgate o valor de sua restituição no prazo de 1 (um) ano, deverá requerê-lo pelo Portal e-CAC, disponível no site da Receita Federal, acessando o menu Declarações e Demonstrativos > Meu Imposto de Renda e clicando em "Solicitar restituição não resgatada na rede bancária".

Dados referentes à 1ª Região Fiscal

UF Contribuintes contemplados Valor do Crédito
DF 129.100 R$ 254.493.889,09
GO 151.888 R$ 200.270.702,01
MT 120.864 R$ 165.206.667,16
MS 76.341 R$ 90.034.394,99
TO 29.067 R$ 42.285.627,64
1ª RF 507.260 R$ 752.291.280,89
Brasil 5.242.668 R$ 6.300.000.000,00

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

PRF apreende 104 kg de cocaína em Corumbá durante fiscalização na BR-262

Homem foi preso durante o flagrante

Polícia

Dupla é presa por tráfico de drogas em Santa Rita do Pardo

Prisão aconteceu em parceria com a Polícia Civil e Militar

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo