18 de junho de 2021
Anuncie Aqui
-->
Economia

Recolhimento do FGTS via Pix é adiado

Segundo Ministério da Economia, previsão não se concretizou

24 DEZ 2020 - 08h58min
Marina Romualdo

Inicialmente previsto para entrar em vigor em janeiro, o recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) por meio do Pix foi adiado, informou hoje (23) a Chefia da Divisão de Fiscalização do FGTS do Ministério da Economia. Segundo o órgão, a implementação do novo sistema FGTS Digital, que traria o recolhimento por meio do sistema instantâneo de pagamentos do Banco Central (BC), não se concretizou.

Campanha Supermercado Atlântico_Sexta 02

O Ministério da Economia não informou uma nova data para a novidade entrar em vigor. Na última reunião plenária do Fórum Pix, o diretor de Organização do Sistema Financeiro e de Resolução do Banco Central (BC), João Manoel Pinho de Mello, havia apresentado a previsão para o recolhimento do FGTS via Pix a partir de janeiro.

Na ocasião, foi anunciado um acordo de cooperação técnica com a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho para o lançamento FGTS Digital. A nova plataforma pretende centralizar a apuração, a cobrança, o recolhimento e o lançamento das contribuições para o Fundo de Garantia.

Segundo a Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia, quando entrar em vigor, o novo sistema reduzirá custos para as empresas. Isso porque os empregadores deixarão de emitir cerca de 70 milhões de guias de recolhimento por ano e poderão acompanhar digitalmente o pagamento e a destinação das contribuições.

Durante o evento, o diretor do Banco Central acrescentou que a utilização do Pix para recolher o FGTS aumenta a concorrência entre as instituições financeiras. Segundo Mello, não será necessário estabelecer convênios entre a empresa e um banco, como ocorre hoje.

Expansão: 
O recolhimento de obrigações tributárias e trabalhistas e o pagamento de impostos estão sendo gradualmente transferidos para o novo modelo. Em novembro, o Tesouro Nacional lançou o PagTesouro, plataforma digital de pagamentos integrada ao Pix.

No início de dezembro, a Receita Federal e o Banco do Brasil fecharam um convênio que permite a algumas empresas pagar tributos com um código QR (versão avançada do código de barras) para o sistema Pix. A novidade foi lançada para as companhias obrigadas a entregar a Declaração de Débitos e de Créditos Tributários Federais, Previdenciários e de Outras Entidades e Fundos (DCTFWeb).

Com o código QR, bastará o contribuinte abrir o aplicativo do banco, ativar o Pix e apontar o celular para o código, que será lido pela câmera do celular. No início do próximo ano, a Receita Federal pretende estender a opção às guias de recolhimento do eSocial de empregadores domésticos e microempreendedores e de pagamento do Simples Nacional. Ao longo de 2021, o Fisco quer incluir o código QR em todos os documentos de arrecadação, por meio dos quais são feitos 320 milhões de pagamentos de tributos por ano.

Matéria alterada às 13h52 do dia 23/12/2020 para corrigir informação. O recolhimento do FGTS por meio do Pix foi adiado e, diferentemente do que o texto informava, não entrará em vigor em janeiro 

(Com informações Agência Brasil)


 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Casal de aposentados investe em motorhome e faz da nova fase da vida uma aventura pelo mundo

2
Geral

Homem que matou ex-presidente da OAB de Aquidauana ganha liberdade

3
Saúde

Está suspensa a primeira dose de vacinas contra covid em Aquidauana

4
Aquidauana

Idoso condenado a quase 30 anos de prisão por estupro é preso em Aquidauana

Informe Publicitário

Informe

Carne Angus certificada é na Atlântico Supermercados

Previsão do Tempo

min14 max27

Aquidauana

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.
min14 max27

Anastácio

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,20m
Miranda
3,39m
Paraguai
1,56m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Não...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

PARTE XVI: AUTOESTIMA: FORTIFICÁ-LA!

Rosildo Barcellos

A Retomada de Corumbá

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Jornal

O Pantaneiro

XV de Agosto, 339 Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4444 (67) 99856-0000 www.opantaneiro.com.br
Advocacia

André Lopes Béda

Rua Manoel Antonio Paes de Barros, 1469 Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3294 / 324
Farmácias e Drogarias

Drogaria Progresso

Rua João Leite Ribeiro, 345 c Centro - 79210-000 Anastácio/MS (67) 3245-0643
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo