23 de outubro de 2021
Anuncie Aqui
Inclusão

Surdos defendem Libras como segundo idioma oficial do Brasil

Debate é levantado no Dia Internacional da Língua de Sinais, celebrado hoje

23 SET 2021 - 13h06min
Agência Brasil

O presidente da Associação dos Surdos de São Paulo, Jorge Rodrigues, disse que a Língua Brasileira de Sinais (Libras), como qualquer outra, "tem um sistema todo, com regras gramaticais, com sintaxe, tudo”. A afirmação foi feita por ocasião do Dia Internacional da Língua de Sinais, celebrado nesta quinta-feira (23). A data foi estabelecida em 2017 pela Organização das Nações Unidas (ONU). 

View Energy - Outubro_9

“É por meio dela que a gente se expressa plenamente, interage com as pessoas surdas, conserva a nossa história enquanto comunidade, sem isso a gente não tem nada”, acrescentou. A data busca conscientizar sobre a importância dessa forma de comunicação, fundamental para a inclusão da comunidade surda.

Em 2002, a Libras foi reconhecida pela Lei  nº 10.436 como meio legal de comunicação e expressão. “Agora a nossa luta é fazer com que a PEC [proposta de emenda à Constituição] 12/2021 seja aprovada para que a Libras seja reconhecida como segunda língua oficial do Brasil”, defende o presidente da associação. 

O país tem quase 10 milhões de pessoas com deficiência auditiva, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Jorge nasceu surdo por causa da rubéola contraída pela mãe durante a gestação. Ele diz que a exclusão é constante na vida de pessoas surdas. “As pessoas não querem contratar surdos, pois existe o estereótipo de que o surdo é incapaz de fazer qualquer coisa”.

Jorge lembra que o preconceito pode ser combatido se mais pessoas aprenderem a língua. “Acho que o maior entrave é a falta de incentivo para que a Libras seja inserida na grade curricular das escolas e faça a inclusão acontecer. Sem isso, as pessoas não saberão sobre Libras, sobre as pessoas surdas, sobre as nossas lutas”, acredita.

O professor Eduardo Pereira Silva, do curso de Libras do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) São Paulo, concorda que o conhecimento da língua deveria ser mais disseminado no Brasil. Ele cita algumas medidas que seriam necessárias: “ampliar a oferta de empregos para a comunidade surda, ter escolas bilíngues, com professores surdos, além da obrigatoriedade de intérpretes em faculdades, hospitais e eventos”. 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Geral

Atenção: fim de semana pode vir acompanhada de tempestades

2
Anastácio

Anastaciana internada na Capital precisa de doações de sangue

3
Policial

Gerente do bando que invadiu aeroclube é preso na Bolívia

4
Policial

Preso em flagrante, homem agarra à força mulher no Centro

Informe Publicitário

Informe

Comtel é a única empresa de MS em evento internacional

Previsão do Tempo

min22 max35

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min22 max35

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Com...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

EIS QUE CHEGOU...

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Hotéis

Hotel Aquidauana Palace

R. Manuel Antonio Paes de Barros, 904 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1492/1602
Supermercados

Mercado e Açougue Vale Verde

Antonio João esquina com Rua dos Ferroviários, - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Médicos

Vitor Maksoud - Clinico Geral

Rua 7 de Setembro, 499 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2422
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo