X
Esportes

Projeto da Fundesporte ressalta os direitos das crianças e dos adolescentes

Iniciativa do projeto resulta de uma parceria entre o Governo do Estado e a Fundesporte

Projeto Rompendo o Círculo da Violência teve início em 2007.

Na última quarta-feira (3), teve início, em Campo Grande, o II Seminário Estadual para Fortalecimento da Rede de Proteção às Crianças e Adolescentes em Situação de Violência, Abuso e Exploração Sexual.

O Governo do Mato Grosso do Sul, através da Secretaria de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas), vem demonstrando muito empenho em combater a violência e exploração sexual á crianças e adolescentes. Para essa iniciativa, o Governo conta com a parceria fundamental da Fundação do Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

Na quinta-feira (4), o Coordenador de Desporto e Lazer da Fundesporte, Coronel Sidinei Barbisa, esteve presente ao evento. Na oportunidade, apresentou os projetos que a Fundesporte oferece em todo o Estado.

Muitos desses projetos são eventos esportivos voltados para crianças e adolescentes: Esporte + Lazer = Saúde, Esporte e Lazer na Cidade, Jogos Escolares, Jogos da Juventude, assim como o projeto "Criança no Esporte Cidadão no Futuro" que oferece escolinhas de varias modalidades esportivas na Capital e nas Cidades do Interior do Estado.

Já na sexta-feira (5), quem representou a Fundesporte no evento foi o professor Ramon Brizuenha, que ministrou a Oficina 'Protagonismo Infanto-Juvenil'.

Esta já é a terceira etapa do projeto "Rompendo o Circulo da Violência", que teve início em 2007. Para este ano, o projeto está atingindo 46 municípios de MS e tem como objetivo integrar e articular os diversos segmentos da Política de Assistência Social com as Políticas Setoriais, baseado nas Diretrizes da Proteção Integral de crianças, adolescentes e familiares, conforme consta na Constituição Federal e no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Através da Rede de Atendimento, as ações visam enfrentar a violência, o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes. Dessa maneira, ajudam na criação de uma consciência coletiva sobre a política a ser desenvolvida em defesa dos direitos da criança e do adolescente, formando uma Rede de Proteção Integral forte e eficaz.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Saúde

Dengue: 14,7% das vacinas distribuídas aos municípios foram aplicadas

Distrito Federal avalia ampliar público-alvo para não perder doses

Economia

Inadimplência do consumidor aumenta em janeiro, após 2 meses de queda

Número de inadimplentes chegou a 72,07 milhões, segundo a Serasa

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo