X
Esportes

Simon garante que Obina admitiu falta em lance polêmico


Em entrevista ao jornal 'Zero Hora', árbitro afirma que atacante reconheceu infração em conversa com auxiliares. Criticado duramente pela diretoria palmeirense, o árbitro Carlos Eugênio Simon garante que o atacante Obina admitiu para seus auxiliares, Marcelo Bertanha Barison e José Antônio Chaves Franco Filho, que puxou o atacante Maicon na jogada que originou o gol anulado do Palmeiras no jogo contra o Fluminense, no último domingo.


- Os meus auxiliares, na volta do intervalo, disseram que o Obina comentou com eles que os dois ficaram se agarrando. E disse ter puxado o zagueiro. Mas é claro que ele não vai confirmar isso - disse Simon em entrevista ao jornal gaúcho "Zero Hora".


O árbitro mantém a posição de que houve infração do atacante palmeirense na jogada.


- Antes do cruzamento, os dois já estavam se agarrando e se queixando um do outro. O que é normal. Quando o jogador bate o pé na bola, eu olho para o meio da área. É assim que procedo. É neste momento, bem antes de a bola chegar para o cabeceio, que o Obina passa o braço por trás do zagueiro e comete a falta. Se a TV não pegou é brabo. Não apito pela TV. Houve a infração. A troco de que eu marcaria algo que não vi no campo de jogo, me diz? Por favor: tenho uma carreira de conquistas a zelar - afirmou.
Simon revelou que vai processar o presidente do Palmeiras, Luiz Gonzaga Belluzzo, que o chamou de "vigarista, safado, sem vergonha e crápula" e que ameaçou lhe dar "uns tapas" se o encontrasse na rua.


- Não vou deixar barato. Comigo não tem essa: todo aquele que atingir minha honra, honestidade e caráter será processado por calúnia e difamação. Agora ele vai ter que provar na Justiça o que disse de mim. Já processei vários que agiram como ele e ganhei todos (os processos).
Indicado pela CBF para representar a arbitragem brasileira nas Copas de 2002, 2006 e 2010, Simon não quis comentar a decisão da entidade de afastá-lo do Campeonato Brasileiro.


- Não fui comunicado. Por isso, não posso falar. Mas te adianto que estou acostumado e calejado com estas questões da vida de árbitro. Minha consciência está tranquila.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Educação

MEC divulga resultado da segunda chamada do Prouni

Lista de pré-selecionados atrasou quatro dias

Economia

Mega-Sena pode pagar R$ 185 milhões neste sábado

Apostas podem ser feitas até as 19 horas, no horário de Brasília

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo