X
Esportes

Vôlei masculino: Ricardinho diz querer encerrar a carreira no Brasil


Ex-levantador da seleção brasileira masculina de vôlei, Ricardinho manifestou vontade de voltar a atuar no Brasil. O atleta está afastado de terras nacionais desde 2004, quando se transferiu do Minas para a Itália, país no qual defendeu o Modena por quatro temporadas e agora atua no Treviso.


"Claro que tenho vontade de voltar ao Brasil. Tenho dois anos de contrato ainda aqui, mas a vontade existe, sim. Gostaria de terminar minha carreira no Brasil", comentou o jogador, em entrevista ao jornal O Dia. De acordo com ele, ainda não há uma data para isso acontecer, mas a promessa é de vir para atuar em alto nível. "Quero voltar ainda em grande forma, para ganhar um título brasileiro ou outros títulos que tiver que ganhar", afirmou.


Entretanto, o repatriamento de Ricardinho não deve acontecer tão cedo, visto que o jogador garante estar se sentindo muito bem em Treviso.


"O time foi montado com uma mistura de jogadores mais novos com outros mais experientes. Os donos da equipe fizeram isso pensando em daqui a três anos e em cima do meu estilo de jogo, que é bem rápido", comentou o atleta, que se diz surpreso com a boa fase do clube, segundo colocado no Campeonato Italiano. "O time está com a minha cara, é um time que sorri dentro de quadra. Enfim, a coisa está andando superbem e estou feliz", afirmou.


Seleção - Ao ser questionado sobre a recente fase da seleção brasileira, Ricardinho disse não ter embasamento para fazer qualquer comentário.


"Aqui não passaram os jogos da seleção. Há comentários nos vestiários, entre os técnicos. Mas não posso fazer comentário nenhum porque os jogos não passaram aqui. Já faz três anos que não estou na seleção e prefiro não comentar mais nada", explicou o atleta, afastado por Bernardinho às vésperas dos Jogos Pan-americanos de 2007 após se desentender com o treinador.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Abandono

Crueldade: filhotes são abandonados no bairro São Francisco

Protetores independentes pedem ajuda para que cachorros sobrevivam

Economia

Gás de cozinha apresenta variação de até 31,58% na Capital

Revenda varia de R$ 95 e R$ 125 no botijão de 13 kg

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo