13 de junho de 2021
Anuncie Aqui
-->
Eventos

Som da Concha traz rock e polca-rock no domingo

11 ABR 2008 - 07h43min
ascom - uniderp

Neste domingo (13), o Som da Concha leva o Rodrigo Teixeira & Mandioca Loca e a banda Jennifer Magnética como atrações musicais na Concha Acústica Helena Meirelles, no Parque das Nações Indígenas. Os shows começam às 18h.

Campanha Drogaria Aquidauana Institucional - 12

O projeto Som da Concha é uma parceria da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul (FCMS), da Anhanguera/Uniderp e da Fundação Manoel de Barros. Trata-se de um programa de televisão gravado ao vivo, quinzenalmente aos domingos na Concha Acústica, unidade da FCMS localizada no Parque das Nações Indígenas, próxima ao Museu de Arte Contemporânea. O programa é exibido pela TV Pantanal Uniderp no canal 14 da Net. Além dos shows, acontecem feira de artesanato e intervenções de artes cênicas, visuais e literárias, atividades iniciadas às 17h. A entrada é gratuita.


Para seus integrantes, Jennifer Magnética funde as características do rock com influências musicais diversas para evitar limitar a criação em um determinado gênero ou estilo. A banda é formada pelos músicos remanescentes da extinta Tomada Acústica, que se formou 2003 no curso de música da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul. Ainda com o antigo nome, a banda ganhou as premiações de melhor intérprete e melhor letra do 12º Festival Universitário da Canção. Mais tarde, lançaram o CD single com o título Mono-Cultura?, com três faixas autorais, no projeto Cena Som. Em 2007 gravaram o primeiro CD, intitulado Placenta, que contou com participação de músicos de renome como Jerry Espíndola, Antônio Porto e Alex Cavalhieri. Nesta época, adotaram o nome Jennifer Magnética. A banda é integrada por Rodrigo Faleiros (vocal e baixo), Jean Stringheta (guitarra) e Diogo Zarate (bateria). Eles já participaram de eventos como Moto Road 2007, Arte na Praça, Só Rock no Rock e o Festival América do Sul (2005), retornando para esse último agora em 2008.


Rodrigo Teixeira & Mandioca Loca - Neste Som da Concha, Rodrigo Teixeira vai comemorar seus 20 anos de carreira musical. O compositor vai tocar músicas dos CDs Sambone (1998), Polck (2004) e do novo disco Mandioca Loca, já gravado e previsto para sair em junho deste ano. "Só falta prensar", avisa Rodrigo, que vai interpretar também canções de compositores do Estado e mostrar versões de suas músicas gravadas por outros artistas.


Tocam com Teixeira os músicos Anderson Rocha (guitarra), Fernando Bola (bateria), Alex Mesquita (baixo) e Fralda (teclados). "Nós tocamos juntos há muitos anos, mas o nome Mandioca Loca surgiu mesmo em um show no Festival Gira Palermo, em Assunção (Paraguay), em dezembro de 2004. Após a apresentação, jornalistas, músicos e o público acabaram batizando nosso conjunto de 'Mandioca Loca', e o nome ficou", explica.


Nascido no Rio Grande do Sul, Rodrigo Teixeira veio morar em Campo Grande em 1980. Com 16 anos já começou a participar da movimentação cultural da Capital. Aluno de violão de Carlos Colman e Orlando Brito, não demorou a ser chamado para integrar a banda de apoio de Colman em 1987. Acompanhou desde então vários artistas de MS, como Paulo Simões, Maria Cláudia & Marcos Mendes, Zé Du, Zeca do Trombone, Jerry Espíndola, G. Ribeiro, Simona, Caio Ignácio. Em 1989, entrou para a banda Olho de Gato como vocalista. Um ano depois, com a desativação do grupo, começou carreira solo. Fez vários shows na Capital e, com seu parceiro Caio Ignácio, começou a formatar o que hoje é chamado de polca-rock.


Rodrigo Teixeira integrou vários shows coletivos com artistas de MS. Em 2002 e 2003 fez duas temporadas do Conexão Pantanal, ao lado de Jerry Espíndola, Guilherme Rondon e Paulo Simões. O show passou pela conceituada casa de jazz carioca Mistura Fina, pelo Centro Cultural Vergueiro e teatro Crowne Plaza, em São Paulo. Também realizou o show Terceiras Intenções, em 2006, com Márcio de Camillo e Jerry Espíndola, no próprio teatro Prosa. Participou também do Temporadas Populares, em 2002, quando abriu o show do grupo Pato Fu. No Festival de Bonito, em 2004, dividiu a noite com o violonista Marcelo Loureiro. Jornalista, Teixeira foi também o primeiro artista de MS a lançar um CD exclusivamente na Internet e de forma gratuita, em março de 2007: Rodrigo Teixeira - Ao Vivo no Mistura Fina, gravado em 2003 no Rio de Janeiro.


 

Veja também

Mais Lidas

1
Entretenimento

Faustão é internado às pressas, Tiago Leifert apresentará o Domingão e Boninho se manifesta

2
Aquidauana

Falece o segurança Marcos Paulino, o Marcão

3
Geral

Motorista entra na contramão e causa acidente no bairro Alto

4
Geral

Com novas doses da Astrazeneca, Aquidauana continua vacinação contra covid

Informe Publicitário

Informe

Selenita Semijoias tem o presente perfeito e sorteio de Dia dos Namorados

Previsão do Tempo

min14 max28

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min14 max28

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,05m
Miranda
1,88m
Paraguai
1,49m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Todo...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

AUTOESTIMA FEMININA: FORTIFICÁ-LA!

Rosildo Barcellos

A Retomada de Corumbá

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Conveniência Millênium

Rua Sete de Setembro, s/n Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6346 / 840
Advocacia

Mário Nelson Lima Paiva

XV de Agosto, 1639 Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2571 / Res
Telefones Úteis

Departamento de Sistema Penintenciario

Duque de Caxias, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 4381
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo