19 de outubro de 2021
Anuncie Aqui
Justiça

1º dia da Semana da Conciliação tem R$ 856 mil de acordos em MS

Para o primeiro dia foram pautadas 864 audiências das quais 677 foram efetivamente realizadas

7 NOV 2018 - 16h21min
TJMS

Começou segunda-feira (5) e vai até o dia 9 de novembro, a 13ª edição da Semana da Conciliação. A ação mobiliza operadores do Direito e sociedade para disseminar a conscientização e a cultura conciliatória como mecanismo eficiente para a efetiva prestação jurisdicional. 

Campanha Drogaria Aquidauana Institucional - 02

No primeiro dia de audiências houve acordo em 92 processos, totalizando R$ 856.563,04 em valores homologados, com 1.668 pessoas foram atendidas hoje pela Justiça estadual. Em Mato Grosso do Sul, a coordenação está sob a responsabilidade do Des. Vladimir Abreu da Silva, coordenador de Conciliação do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Nupemec), e do juiz Cezar Luiz Miozzo, sob a presidência do primeiro.

Para o primeiro dia foram pautadas 864 audiências das quais 677 foram efetivamente realizadas. O destaque da segunda-feira foi a 5ª Vara de Família e Sucessões, que realizou sete audiências conciliatórias, homologando R$ 364.594,40 em valores. Para toda a semana estão pautados 7.151 processos com audiência de conciliação. Destes, 763 foram agendados pelas próprias partes na internet, no portal do Tribunal de Justiça.

Para esta terça-feira (6) foram pautadas 1.705 audiências. O resultado do dia será contabilizado e divulgado amanhã. Na quarta-feira (7) estão pautados 1.570 feitos, na quinta-feira (8), 1.367, e na sexta-feira (9), 912 audiências serão realizadas, totalizando as mais de 7 mil audiências.

Participam da Semana da Conciliação todas as comarcas e varas de MS cujos feitos permitam a conciliação e, em segundo grau, os desembargadores que aderirem ao movimento. O esforço concentrado sul-mato-grossense, a exemplo de anos anteriores, integra a campanha nacional do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que será realizada em âmbito nacional no mesmo período.

Saiba mais – Incluída no Código de Processo Civil de 2015 como etapa processual obrigatória, a solução de conflitos pela via da conciliação dispensa a atuação imediata de advogados e do juiz, que apenas valida formalmente os acordos negociados entre as partes.

A conciliação pode ser utilizada em quase todos os casos: pensão alimentícia, divórcio, desapropriação, inventário, partilha, guarda de menores, acidentes de trânsito, dívidas em bancos e financeiras e problemas de condomínio, entre vários outros. Exceção para casos que envolvam crimes contra a vida (homicídios, por exemplo) e situações previstas na Lei Maria da Penha.
 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Entretenimento

Marcos Palmeira e José Loreto chegam para gravação de "Pantanal"

2
Entretenimento

Açaí tem gosto de terra? Pois o tamanduá decidiu tirar a dúvida por conta própria

3
Policial

Fronteira em alerta após ameaças de ataque do PCC

4
Geral

Últimas três vítimas de naufrágio em Corumbá ainda serão veladas

Informe Publicitário

Informe

IVRNET: compromisso pela melhor internet na região

Previsão do Tempo

min20 max31

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min20 max31

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Como...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

AI de ti, AQUIDAUANA!

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Marcos Rondon Vaz de Melo

, - Aquidauana/MS (67)
Automóveis

Centro Automotivo Globo

Rua Theodoro Rondon, 347 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4357
Confecções

Rocha Forte

Rua Duque de Caxias, 791 Centro - 79200000 Aquidauana/MS (67) 3241-4801
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo