23 de setembro de 2021
Anuncie Aqui
Agro

Colheita do milho avança devagar no Estado

28 JUL 2021 - 16h00min
Governo do Estado
A colheita do milho da safra 2020/2021 avança devagar e alcançou 4,1% nas lavouras de Mato Grosso do Sul até o fim da semana passada, conforme o boletim do Projeto SIGA/MS (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio), coordenado pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) junto com a Aprosoja/MS (Associação de Produtores de Soja de MS). Com as lavouras já maduras, as geadas que são anunciadas para os próximos dias não devem afetar a produtividade, que já teve redução significativa em consequência das más condições climáticas.
 
A safra de milho deste ano prometia ser recorde, com volume superior a 9 milhões de toneladas, tendo em vista o aumento de 5,7% na área (2,003 milhões de hectares) em relação à safra do ano passado. No entanto, a estiagem na fase de desenvolvimento das plantas, em seguida chuvas de granizo e, por fim, uma forte geada no momento em que as espigas começavam a granar, derrubaram a previsão inicial de produtividade, agora recalculada para 6,285 milhões de toneladas.
 
O Governo do Estado publicou os decretos números 81 e 82 no Diário Oficial do último dia 14, declarando situação de emergência pelo prazo de 180 dias em Mato Grosso do Sul em decorrência da seca e da geada que atingiram boa parte do Estado. Os decretos respaldam os produtores rurais no pedido do seguro agrícola (veja AQUI o inteiro teor dos decretos).
 
No dia 20 de julho, após articulação da Semagro, o Banco do Brasil decidiu prorrogar por 180 dias após o vencimento final, as operações com pedido de Proagro pendentes de deferimento no âmbito da instituição; e por 120 dias após o vencimento, as operações com apresentação do comunicado de sinistro, cujo aviso também esteja pendente de deferimento.
 
O boletim do SIGA/MS mostra que 56,60% da safra de milho já estão vendidos, porém as lavouras não vão entregar o volume estimado, o que força a renegociação dos contratos. A quebra na safra se reflete em toda cadeia econômica que usa o milho e seus derivados, como granjas de suínos e aves, que precisam trazer o produto de fora para suprir a falta no mercado interno. No auge da safra do ano passado, a saca de 60 quilos do milho estava cotada em média a R$ 27,00. Nesse ano já ultrapassa R$ 88,00.

Drogaria Aquidauana - Aniversário de 8 anos - Bonificação_02
 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Motociclista tem mal súbito e morre em rua da Santa Terezinha

2
Aquidauana

Câncer tira a vida de Lilian, agente comunitária de saúde em Aquidauana

3
Geral

Inmet alerta: vendaval na região pantaneira e para outras 33 cidades de MS

4
Geral

Velório de Lilian Oliveira está sendo realizado nesta quarta-feira

Informe Publicitário

Informe

Só a Dale Sorvetes tem delícias geladas por apenas R$ 1,50!

Previsão do Tempo

min22 max36

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min22 max36

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Não...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

ESCOLA PARTICULAR IRENE CICALISE

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Escolas Municipais

Escola Municipal Indígena Pólo General Rondon

, Distrito de Taunay - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Casas de Shows

ARPA

13 de Julho, 680 Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3764
Hotéis

Pousada Portal da Serra

Rua Marechal Mallet, 885 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-1809
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo