X
Emprego

Com 99 vagas, concurso do Imasul tem 5,6 mil participantes nas provas de domingo

Dos 3.332 inscritos, 2.413 candidatos compareceram aos locais de prova e participaram da avaliação

Local da prova / Divulgação

As provas escritas objetivas do concurso do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) aconteceram neste domingo (9), em dois períodos. Mais de 5,6 mil candidatos participaram dessa etapa do certame, que oferece 99 vagas em cargos de nível superior, técnico e médio.

Pela manhã foram aplicadas as provas para os concorrentes aos cargos de Técnico Ambiental, Técnico em Serviços Ambientais e Guarda-parque, com exigência de habilitação em nível médio e técnico. As provas iniciaram às 7h45, 15 após o fechamento dos portões. Segundo o Instituto Avalia, empresa realizadora do concurso, dos 3.332 inscritos, 2.413 candidatos compareceram aos locais de prova e participaram da avaliação, o que configura uma abstenção de 38%.

No período vespertino foi a vez de fazerem as provas os candidatos aos cargos de Analista Ambiental e Fiscal Ambiente, com habilitação em 21 áreas de nível superior. O Instituto Avalia informou que 3.251 pessoas compareceram, com uma ausência de 28%, dos 4.167 inscritos.

Nesta segunda-feira (10), as Secretarias de Estado de Administração e de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação e o Imasul publicaram, no Diário Oficial Eletrônico, o Edital n. 7/2024, com os gabaritos oficiais preliminares das provas e a abertura do período de recursos. O edital informa que os candidatos poderão interpor recursos no período compreendido entre o dia 10 de junho e as 23 horas e 59 minutos do dia 11 de junho de 2024, de acordo com o horário oficial de Mato Grosso do Sul, por meio do site do Instituto Avalia, www.avalia.org.br.

O secretário de Estado de Administração, Frederico Felini, acompanhou a aplicação das provas e avaliou como bem sucedida esta fase do concurso. "Este é um concurso muito significativo para o Governo do Estado, pois visa atender às demandas de pessoal para o trabalho em gestão ambiental. As provas transcorreram dentro da normalidade, com todas as etapas, desde a abertura dos portões até o encerramento das provas, acontecendo conforme o previsto e isso demonstra a eficiência e busca pela qualidade na prestação de serviços à população, além do aprimoramento nos processos de gestão de pessoas, desde o ingresso no serviço público", pontuou Felini.

Após 18 anos do último concurso, o diretor-presidente do Imasul, André Borges Barros de Araújo, avaliou como positiva a participação dos candidatos nas provas e considera esse um momento importante para o desenvolvimento das metas de preservação do meio ambiente em Mato Grosso do Sul - um compromisso do Governo do Estado.

"Atualmente, estou diretor-presidente, mas sou servidor de carreira do Imasul, ingressei no nosso último concurso, em 2006. Trabalhamos muito para que este concurso acontecesse agora e ele é uma conquista para a preservação do Meio Ambiente de nosso Estado. Esperamos que as 99 pessoas que serão selecionadas nesse certame possam somar conosco na elaboração e execução de políticas públicas ambientais, garantindo a construção de um MS próspero, verde, digital e inclusivo, pois esse desenvolvimento está totalmente relacionado à responsabilidade ambiental", comemorou André Borges.

Para saber mais sobre as próximas fases do concurso do Imasul, os candidatos devem acompanhar as publicações no Diário Oficial Eletrônico.

*Com informações da SAD

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Educação

Enem: pelo menos 5 milhões se inscreveram para a edição de 2024

Número final será conhecido após período extra de inscrição no RS

Aquidauana

Jornalista aquidauanense sofre acidente em colisão na BR-262

Batida entre carros aconteceu nesta manhã

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo