16 de janeiro de 2021
Anuncie Aqui
-->
Geral

MEC aponta queda de 2,8 milhões de alunos na rede pública

14 NOV 2007 - 09h16min
cdb

Resultados preliminares do censo escolar de 2007, divulgados nesta terça-feira pelo Ministério da Educação (MEC), apontam para uma queda de 2,8 milhões de matrículas no sistema público de ensino básico do país. Feito pela primeira vez totalmente digital, com as escolas repassando os dados de cada aluno, os dados ainda devem ser corrigidos até dezembro, o que poderá aumentar o número de estudantes em pelo menos 800 mil, segundo o ministério. Mesmo assim, diferença entre um ano e outro confirma que, por muito tempo, estados e municípios incharam o número de alunos declarados ao Governo federal.


Este é o primeiro ano em que o MEC coloca em prática oficialmente o Educacenso, um sistema on-line de preenchimento do censo. Nos anos anteriores, a escola passava à Secretaria de Educação uma planilha com o número de alunos existentes, aprovados, reprovados e algumas informações, como raça. Era então a secretaria que preenchia os arquivos de computador e enviava a informação ao MEC. O sistema atual prevê que cada escola preencha, pela internet, uma planilha em que consta o nome, série, data de nascimento, nome dos pais, endereço e número de documento do aluno matriculado.


Sete Estados tiveram dificuldades operacionais com o Educacenso e 38 cidades não conseguiram ainda enviar nenhum dado. Mesmo assim, a queda de um ano para outro é significativa. "Já vínhamos notando, nos dois últimos anos em que estávamos experimentando o Educacenso, que os dados já vinham se ajustando. Teve município em que as matrículas caíram mais de 50%", contou o ministro da Educação, Fernando Haddad.


Desconfiança


As desconfianças com os dados do censo são antigas. De acordo com o ministro, os números nunca batiam com os da Pesquisa Anual por Amostra de Domicílios (Pnad), feita todo ano pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Parte era considerada evasão escolar, já que o censo é feito em março e a Pnad, em setembro. No entanto, auditorias da Corregedoria Geral da União (CGU) também apontavam para o MEC uma inflação nos números.


- O MEC vai tratar essa queda como um erro. Não discutiremos a causa do erro - disse o ministro. Mas, CGU e o Tribunal de Contas da União serão informados do "erro" para que os gestores sejam responsabilizados, quando necessário.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Polícia fecha boca de fumo e encontra droga na calcinha de traficante em Aquidauana

2
Aquidauana

Bolsa Família itinerante inicia atendimento em Aquidauana

3
Aquidauana

Idosos de 78 e 88 anos são novas vítimas do coronavírus em Aquidauana

4
Aquidauana

Estilo rústico de Lucimeire e Fabiano se fez presente até no ensaio de revelação do bebê

Vídeos

Temporal durante a madrugada causa alagamentos e deixa moradores ilhados em Corumbá

Tata Werneck responde fã que comparou Aquidauana a ''Aquidauanus'' no instagram

Marca P Remates realiza 1° leilão de corte de 2021

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max30

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
min23 max30

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
3,20m
Miranda
2,81m
Paraguai
0,64cm

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Solidão, Solidariedade, Solicitude

Valdemir Gomes

Sei...

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: NÃO HÁ LUGAR PARA TODOS NO PÓ...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Farmácias e Drogarias

Drogaria da Duque

Rua Duque de Caxias, 1925 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 3340
Farmácias e Drogarias

Drogaria Star

Manoel Antonio Paes de Barros, 360 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 3394
Locadora de Veiculos

Pellicione Motors

Rua Marechal Mallet, 366 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 1217
Ver Mais
Supermercado Seriema 16/01/2021
Fale com a redação