20 de janeiro de 2022
Anuncie Aqui
Falsa ou verdadeira?

PMA captura cobra coral dentro de armário

Chamado aconteceu durante a madrugada desta sexta-feira, em Campo Grande

26 NOV 2021 - 11h36min
João Marcelo Correia Sanches

Todo mundo já deve ter ouvido falar sobre dicas "fáceis" para que se possa diferenciar uma cobra coral falsa de uma verdadeira. A verdade é que em uma situação real de encontro cara a cara com o réptil, a primeira reação é provavelmente a de correr para bem longe e chamar as autoridades.

Campanha Atlântico Super Center - Vem Pro Atlântico - 19 e 20Jan_09

Foi o que uma moradora de Campo Grande, no Bairro Santa Luzia, precisou fazer na madrugada desta sexta-feira (26), por volta das 3h, quando abriu o armário do quarto e encontrou uma serpente lá dentro.

Uma equipe da Polícia Militar Ambiental (PMA) foi ao local e verificou que se tratava de uma cobra da espécie Lampropeltis triangulum (falsa-coral), que não é peçonhenta – diferentemente da serpente da espécie Micrurus corallinus, conhecida como coral-verdadeira, cujas toxinas são muito perigosas e podem levar a casos graves de parada cardiorespiratória.

Cobra encontrada não é peçonhenta, isto é, não é venenosa (Foto: Divulgação/PMMS)

Os militares capturaram a serpente com uso de um gancho e a colocaram em uma caixa de contenção. Ela foi encaminhada ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), que decidirá o melhor momento de reintroduzir o animal na natureza.

Afinal, como indentificar cada tipo?

Por mais que muitas pessoas tentem criar explicações com base nos padrões de cor das cobras, a verdade é que a diferenciação é quase imposível de ser feita por leigos.

A maneira correta de identificar as espécies com ou sem peçonha é realizada de acordo com a dentição delas. Falsas-corais também podem ser venenosas, mas a regra é que o dente inoculador de peçonha está na parte de trás da boca e, por conta disso, acidentes graves envolvendo estas serpentes são mais raros.

Enquanto isso, cada coral-verdadeira vai apresentar dentição inoculadora frontal, o que faz com que praticamente toda mordida em um ser-humano leve certa quantidade de peçonha à corrente sanguínea.

Em comum, as duas espécies tendem a atacar somente quando se sentem ameaçadas, portanto, venenosa ou não, a recomendação é sempre a mesma: não ataque o animal nem tente retirá-lo de onde estiver por conta própria; contate a Polícia Ambiental ou o Corpo de Bombeiros e aguarde pela ajuda dos profissionais.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Feminicídio pode ter ocorrido por "ciúmes excessivos", diz Polícia Civil

2
Policial

Autor de furto de gado é morto durante confronto com policiais

3
Policial

Motorista perde controle da direção, sai da pista com carreta na BR 419

4
Policial

Motociclista morre após bater em placa de sinalização

Informe Publicitário

Informe Publicitário

Drogaria Aquidauana faz da comunidade pantaneira uma prioridade

Previsão do Tempo

min23 max37

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
min23 max37

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,05m
Miranda
1,40m
Paraguai
0,108m

Colunas e Blogs

Gabriel Novis Neves

Fumo bom

Valdemir Gomes

Num...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Hospitais/Postos de Saúde

Hospital da Cidade - Associação Aquidauanense de Assistência Hospitalar

R. Manoel Antonio Paes de Barros, 1424 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3636
Auto Posto

Auto posto WA II

Rua Oscar Trindade de Barros, Santa terezinha - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Médicos

Carlos Alberto A. Filho - Otorrino

Ruas Marechal Mallet, 601 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2126
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo