17 de junho de 2021
Anuncie Aqui
-->
Investimento

Revitalização de R$ 19 milhões será feita preservando a vegetação do Parque dos Poderes

Governador Reinaldo Azambuja descartou desmatamento no local

9 DEZ 2020 - 15h23min
Governo de MS

A licitação da revitalização do Parque dos Poderes será publicada na próxima semana e contempla a manutenção das árvores daquele que é um dos locais preferidos da população campo-grandense para momentos de lazer e esporte. A informação é do governador Reinaldo Azambuja. 

Padaria e Mercearia Dois Irmãos - Institucional - Junho21 - 02

Ele garantiu ainda que não haverá nenhum desmatamento no Parque dos Poderes. “Tem muita gente dizendo: o governador vai desmatar. Não é verdade. Realmente, nós tínhamos uma lei que permitia construir um novo prédio da Secretaria de Fazenda, a Procuradoria-Geral do Estado, e nós mudamos, não vamos mais abrir essas áreas no Parque dos Poderes, vamos preservar essas áreas intactas porque isso é um patrimônio do sul-mato-grossense. Embora seja necessário ampliar alguns prédios públicos, nós vamos fazer sem nenhum dano ambiental, sem desmatar”, afirmou Reinaldo Azambuja.

Frequentado por muitas famílias e habitado por diversos animais, o Parque dos Poderes vai passar pela primeira revitalização em quase quatro décadas. O projeto, com valor estimado de R$ 19 milhões, inclui o recapeamento de 110 mil m² de ruas, implantação de 4 quilômetros de pista de caminhada e corrida, 4,2 quilômetros de ciclovia no canteiro central, acessibilidade, paisagismo, 70 bancos de descanso, três estações de ginástica, reforma dos estacionamentos e instalação de 41 abrigos nos pontos de ônibus e de lixeiras, além da construção de um Centro de Apoio ao Usuário com banheiros masculinos, femininos e adaptados para pessoas com deficiência.

Na semana passada, o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Paschoal Carmello Leandro, suspendeu uma decisão liminar e devolveu a atribuição do Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) definida pela legislação. “Eu sei que houve uma decisão importante. Vamos pactuar, estou conversando com o Ministério Público para estancar essa discussão”, disse o governador.

De acordo com a consultora legislativa Ana Carolina Ali Garcia, o pedido do governo foi para preservar a legislação. “O objetivo foi fazer valer a lei aprovada pelos parlamentares”, disse. A procuradora-geral de Mato Grosso do Sul, Fabíola Marquetti, explicou que a suspensão da liminar impediu uma intervenção na área administrativa do Estado. “O que a PGE pediu é para que fosse restabelecida a atribuição do Imasul e respeitada a legislação. É uma lei vigente que não pode ser suspensa por uma liminar. A ação correta seria uma Ação Direta de Inconstitucionalidade. Em nenhum momento pedimos autorização de desmate”. 

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Carlos Loesia falece vítima do novo coronavírus

2
Geral

Em Aquidauana, homem é flagrado por câmera de segurança furtando abóbora

3
Policial

Homem contrata e tenta jogar mulher da ponte para não pagar por sexo

4
Geral

Quatro municípios já se recusam a seguir decreto estadual com restrições à covid

Informe Publicitário

Informe

Carne Angus certificada é na Atlântico Supermercados

Previsão do Tempo

min17 max28

Aquidauana

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.
min17 max28

Anastácio

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,05m
Miranda
1,88m
Paraguai
1,49m

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

PARTE XVI: AUTOESTIMA: FORTIFICÁ-LA!

Valdemir Gomes

Ousadia...

Rosildo Barcellos

A Retomada de Corumbá

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Médicos

Marcos Rondon Vaz de Melo

, - Aquidauana/MS (67)
Camping

Pousada Itajú - Estrada da Margem Esquerda

, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 9986-1334 www.pousadaitaju.com.br
Pesqueiros

Pousada Itajú - Estrada da Margem Esquerda

, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 9986-1334 www.pousadaitaju.com.br
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo