9º BE Cmb e Coeso trabalham na remoção de árvores e no restabelecimento da energia

Temporal provocou estragos nos municípios de Aquidauana e Anastácio. Assista ao vídeo.

27/01/2016 12:20


Após o forte vendaval e a chuva que atingiram os municípios de Aquidauana e Anastácio, a manhã desta quarta-feira (27) foi de muito trabalho para os funcionários da Coeso (Cooperativa de Energização Rural) e os militares do 9º BE Cmb (Batalhão de Engenharia de Combate).

Estragos foram registrados em diversos pontos da área urbana e às margens da BR-262.

Cerca de 40 árvores amanheceram derrubadas, incluindo um eucalipto que caiu sobre a rede elétrica, na área do quartel, na Rua Joaquim Nabuco, provocando o apagão.
 
A Coeso se mobilizou para o restabelecimento e ajuste da energia, que demorou para voltar em vários bairros, enquanto os militares trabalharam na retiradas das árvores que caíram.

Advogado diz que situação não é inédita
 
O advogado Reni Blass, morador de Aquidauana, diz que os quintais de casas próximas também chegaram a ser atingidos com a queda do eucalipto sobre a rede elétrica, na Rua Joaquim Nabuco.
 
"No local, ainda pela manhã desta quarta feira, era possível ver a fumaça que saía de um medidor de luz, resultado do princípio de incêndio que uma moradora afirma ter ocorrido", diz Reni.
 
O advogado ainda explica que esta não foi a primeira vez que os eucaliptos da região do quartel caíram sobre a rede elétrica.
 
"Essa situação tem tirado o sossego dos moradores das proximidades", completa.
 
Sem feridos
 
Apesar do susto com o temporal desta madrugada, o coordenador da Defesa Civil de Aquidauana, Mário Ravaglia, disse que não houve registro de feridos.

da Redação