Economia

Terminal de Porto Murtinho integra multimodal para o transporte de 4,5 mil toneladas de aço até a Bolívia

24/07/2016 17:03


O terminal portuário de Porto Murtinho foi contratado para integrar uma operação multimodal de transporte de 4.500 toneladas de aço bruto, até a Bolívia. A primeira parcela da carga chegou ao local no dia 12 de julho, vindo do município de Piracicaba (SP), da empresa Arcelor Mittal Brasil S/A, em um comboio formado por 20 carretas, com 35 toneladas cada veículo. A carga chegou a Porto Murtinho por via rodoviária, segue pela hidrovia do Rio Paraguai até a cidade de Puerto Quijarro, na província de Germán Busch, no leste do Departamento de Santa Cruz, na Bolívia, de onde segue de ferrovia até seu destino final.
 
De acordo com o diretor da Agência Portuária de Porto Murtinho (APPM), Michel Chaim, ?esse embarque reforça a importância do Terminal de Porto Murtinho como uma peça estratégica nas operações multimodais de cargas em Mato Grosso do Sul?. Chaim lembra ainda que a operação é resultado de um esforço conjunto com o governo do Estado ?para estabelecer o porto como uma opção logística no Estado. Estamos trabalhando na estrutura e fazendo investimentos?.
 
A operação realizada no terminal de Porto Murtinho ? a terceira, desde a sua reativação em outubro de 2015 ? é resultado dos esforços do governo do Estado, por meio do Programa de Estímulo à Exportação ou Importação pelo Porto de Porto Murtinho (PROEIP). O programa foi instituído por meio de decreto que prevê o oferecimento de benefícios a empreendimentos que se instalarem no entorno do local. O PROEIP é executado pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade) e Secretaria de Fazenda (Sefaz).
 
?Além do decreto instituindo o PROEIP, o governador Reinaldo Azambuja assinou no mês de março deste ano o termo para o fomento dos portos de Ladário e Corumbá ? durante a Rota do Desenvolvimento. Esses dois terminais também receberão benefícios fiscais do governo, semelhantes aos previstos no PROEIP, de Porto Murtinho?, lembra o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck.
 
Segundo a prefeitura de Porto Murtinho, desde que o terminal portuário foi reativado pelo governo do Estado, já foram abertos 20 empregos diretos e outros 50 postos indiretos no local.

Governo do MS