Economia

Setor agropecuário se compromete a ajudar na recuperação da economia

29/07/2016 06:15


O vice-presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), José Mário Shreiner, afirmou, na manhã desta quinta-feira (28), que os produtores rurais estão dispostos a ajudar o governo a retomar o crescimento do País. Shreiner e o presidente da CNA, João Martins da Silva Junior, reuniram-se com o presidente em exercício, Michel Temer, e apresentaram uma pauta com 10 pontos para o setor se expandir e continuar a abastecer o mercado interno.
 
Entre as demandas estão maior segurança jurídica para o produtor, política agrícola equilibrada, política agrícola plurianual, incremento do seguro rural e ampliação da assistência técnica. Segundo Shreiner, essas reivindicações ajudariam a fortalecer a economia brasileira.
 
"Sem dúvida nenhuma, nós estamos dispostos a trabalhar juntos ao governo federal, com os vários ministérios que estão ligados mais a nossa área para que a gente possa, através dessa ação, desses pontos que foram colocados, estar ajudando cada dia mais o nosso País a se recuperar principalmente da grave crise que passamos."
 
Shreiner também destacou a participação da agropecuária no superávit da balança comercial acumulado em R$ 3,8 bilhões em julho e a facilidade do setor em se recuperar de crises.
 
"O setor agro, ele é um setor que, se todos nós olharmos para ele, cuidarmos dele, sem dúvida nenhuma, os resultados virão e virão de uma forma muito rápida. Com três, quatro, cinco meses, você já começa a ver esse retorno. Nós temos de procurar diminuir essa fila de desemprego, e a agricultura oferece toda condição para que isso possa ocorrer."
 
Nesta quinta-feira é comemorado o Dia do Agricultor. Para comemorar a data, a CNA expôs, na Esplanada dos Ministérios, uma mesa com 240 metros de comprimento e 18,8 toneladas de frutas. Os alimentos foram distribuídos para quem passava pelo local.

Governo Federal