Presidente da Câmara garante concurso no 1º semestre, com 80 vagas

22/12/2016 09:40


Finalizados os estudos técnicos, a Câmara Municipal está definindo qual instituição aplicará o concurso público que será realizado no primeiro semestre de 2017 para contratação de funcionários efetivos. Após a sessão extraordinária desta quarta-feira (21), o presidente da casa de leis, vereador João Rocha, garantiu que as provas serão aplicadas até o final de junho e que serão ofertadas cerca de 80 vagas.
 
A redução dos comissionados e contratação de efetivos é uma recomendação do MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul), que em junho apontou excesso de contratados, em ação judicial apresentada em junho. Na ocasião, o MPE afirmou que a Câmara mantinha quase 90% de seu quadro de pessoal comissionado quando, na verdade, a legislação determina justamente o contrário.
 
Em resposta, o Legislativo Municipal comprometeu-se a realizar o certame e, posteriormente, demitir alguns funcionários. Questionado sobre o excesso de comissionados, João Rocha discorda e pondera que o concurso é para que haja mais funcionários efetivos, ou seja, de carreira dentro da casa de leis e adiantou que após o certame haverá uma demissão gradual, para que a ?engrenagem? do Legislativo funcione perfeitamente.

Campo Grande News