Eleições 2018

TRE faz inserção de dados nas urnas para entregar equipamento aos fiscais

Dispositivo só poderá ser ligado no dia 7 de outubro, às 07 horas

19/09/2018 11:25


As 7.972 urnas eletrônicas das eleições 2018 começaram a receber as informações dos 478 candidatos ao pleito de presidente, governador, senador, deputado federal e deputado estadual. O sistema de alimentação das urnas é realizado na sede do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE/MS) e apesar de todos os partidos e órgãos de fiscalização serem convidados a participar do processo, apenas representantes da Ordem Brasileira dos Advogados Seção Mato Grosso do Sul (OAB/MS) marcaram presença. 

Segundo o juiz eleitoral Cezar Luiz Miozzo o abastedimento é a última etapa antes da distribuição das urnas aos presidentes das 6.853 seções. “Estamos inserindo as mídias com os dados dos candidatos e também dos eleitores. Esse trabalho será concluído até amanhã e assim que terminado as urnas serão lacradas. Em seguida vamos distribuir todas as urnas do interior até segunda-feira e as da Capital até a próxima sexta-feira”.

Os eleitores não precisam se preocupar com a violação do dispositivo. Os fiscais de seção não  conseguirão ligar o equipamento que está programado para funcionar apenas às 07 horas do dia 7 de outubro. Ao todo são esperados 1.877.982 eleitores no dia da votação. 

Outra informação importante repassada pelo magistrado do TRE é em relação aos candidatos que estão com recurso tramitando. “O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) tinha até segunda para deferir as candidaturas. Algumas estão com recurso tramitando. Neste caso, o candidato teve a mídia inserida e poderá até receber votos. Mas se tiver o registro indeferido os votos serão computados como nulos”. 

São sete processos que constam como tramitando, referem-se a substituições ocorridas em razão de renúncias de candidaturas apresentadas durante o processamento dos pedidos, sendo quatro dessas protocolizadas somente no último dia para o pedido de substituição de candidatos para os cargos majoritários e proporcionais, exceto em caso de falecimento.


Correio do Estado