Crime ambiental

PMA autua fazendeira em R$ 11 mil por desmatamento ilegal

O desmatamento aconteceu em 2013 para plantio de pastagem

30/09/2018 07:58


Uma área de desmatamento ilegal foi verificada no município de Corguinho, ontem (29), quando Policiais Militares Ambientais de São Gabriel do Oeste realizavam fiscalização em uma propriedade rural e verificaram que uma fazendeira (50) desmatou 10,79 hectares de vegetação nativa de cerrado, que os Policiais mediram em GPS.

O desmatamento levantado por imagens de satélites como parte da operação Cervo-do Pantanal ocorreu entre 25 de julho de 2013 e 27de setembro de 2013 e foi realizado para o plantio de pastagem. Parte da madeira proveniente das árvores derrubadas no desmatamento encontrava-se em leiras no local. As atividades foram interditadas.

A pecuarista, residente em Corguinho, foi autuada administrativamente e multada em R$ 11.000,00. Ela responderá por crime ambiental. A pena é de três a seis meses de detenção. A infratora foi notificada a apresentar um Plano de Recuperação de Área Degradada e Alterada (PRADA), junto ao órgão ambiental.


Redação