Interior

Pintor é morto com facada no coração durante briga em conveniência

O fato ocorreu na madrugada deste sábado (29), por volta das 2h30, durante briga em conveniência localizada na Avenida das Emas, no Bairro Esplanada I, em Chapadão do Sul

30/09/2018 09:48


O pintor Adriano Antônio Ferreira, 34 anos, morreu depois de ser assassinado com facada no coração. O fato ocorreu na madrugada deste sábado (29), por volta das 2h30, durante briga em conveniência localizada na Avenida das Emas, no Bairro Esplanada I, em Chapadão do Sul – a 321 quilômetros da Capital.

Conforme o jornal O Correio News, o proprietário da conveniência contou à polícia que, a vítima estava com a esposa dentro do estabelecimento quando dois homens - ainda não identificados pela polícia - entraram no local.

Interior

29/09/2018 14:07

Pintor é morto com facada no coração durante briga em conveniência

O fato ocorreu na madrugada deste sábado (29), por volta das 2h30, durante briga em conveniência localizada na Avenida das Emas, no Bairro Esplanada I, em Chapadão do Sul

Guilherme Henri

  • Imprimir
  •  
  • Enviar por E-mail
  •  
Corpo de pintor coberto em área isolada pela Polícia Civil (Foto: O Correio News)Corpo de pintor coberto em área isolada pela Polícia Civil (Foto: O Correio News)
 

O pintor Adriano Antônio Ferreira, 34 anos, morreu depois de ser assassinado com facada no coração. O fato ocorreu na madrugada deste sábado (29), por volta das 2h30, durante briga em conveniência localizada na Avenida das Emas, no Bairro Esplanada I, em Chapadão do Sul – a 321 quilômetros da Capital.

Conforme o jornal O Correio News, o proprietário da conveniência contou à polícia que, a vítima estava com a esposa dentro do estabelecimento quando dois homens - ainda não identificados pela polícia - entraram no local.

Na saída dos suspeitos, o pintor disse algo e um dos assassinos chegou a retrucar para ele, “fica no seu buraco aí”.

Após a resposta, Adriano foi atrás dos dois homens e os três acabaram brigando na rua. No meio das agressões, o pintor acabou golpeado com uma faca na altura do coração. Depois disso, os homens fugiram sentido Bairro Flamboyant.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser chamado, mas o pintor morreu no local. A Polícia Civil esteve no local, ouviu testemunhas e não conseguiu encontrar a arma do crime.


Campo Grande News