Eleições 2018

Juiz eleitoral acompanha simulação e testes nas urnas eletrônicas em Aquidauana

Para o magistrado, está tudo em ordem. A população poderá acompanhar os testes nesta terça-feira

23/10/2018 11:18


Marcado para o dia 28 de outubro (próximo domingo), o 2º Turno das Eleições 2018 contará com os votos da população para presidente e governador. Nesta terça-feira (22), Juliano Duailibi Baungart, juiz eleitoral da 10ª Zona Eleitoral de Aquidauana, acompanhou, juntamente com a equipe do TRE da cidade, os testes realizados até o momento nas urnas eletrônicas que estarão em funcionamento neste próximo pleito.

“Hoje nós estamos fazemos a cerimônia para examinar as urnas, numa preparação para o 2º Turno e acabamos de participar de um teste, uma simulação. Foi escolhida uma urna embaixo do monte e verificamos que realmente não havia preenchimento automático, confirmação automática para nenhum dos candidatos à Presidência da República e tampouco para os candidatos ao governo do Estado”, explicou o titular do TRE de Aquidauana.

Segundo o magistrado, foram feitas diversas tentativas com simulações de votos e todas ocorreram sem sinal de erro ou falha no sistema.

Sobre a possível falha durante o 1º Turno, no qual a imagem do presidenciável Fernando Haddad supostamente não aparecia durante a votação, o juiz eleitoral reafirmou que essa possibilidade foi descartada. “Foi confirmado que isso não passou de uma brincadeira. No teste de hoje, foi aberta essa oportunidade de acompanhamento para a imprensa, OAB, Ministério Público, advogados, ou seja, todos podem participar.”

Juliano Baungart ainda informou que a simulação acontece durante todo o dia de hoje e é aberta ao público. “Durante o 1º Turno, foi bastante tranquilo, nada referente a problemas nas urnas, mas muitos eleitores erraram a ordem de votação e tivemos dificuldades justamente com isso: a falta de informações do próprio eleitor.”

Como serão dois pleitos no 2º Turno, o juiz afirmou que a eleição deve ser mais rápida. “Até o final da tarde, provavelmente, a eleição terá acabado.”

*Com informações de Luiz Guido Jr.


Redação