AQUIDAUANA

Touros da marca JC Di Genio são destaque em comercialização na 52ª Expoaqui

Sede da propriedade se localiza na cidade paulista de Pereira Barreto

22/08/2019 07:00


O Leilão da marca Nelore Di Gênio, realizado durante a 52ª Exposição Agropecuária de Aquidauana (Expoaqui), foi destaque no evento, em termos de comercialização de reprodutores.

O produtor rural de Aquidauana, César Queiroz, revelou que a média de venda dos exemplares, touros JC (do empresário João Carlos Di Gênio), alcançou R$ 12.500 reais.

“A participação da marca P consolidou o sucesso dos lotes ofertados e juntos promovemos um show de genética e qualidade em touros. Os animais comercializados são da linhagem do Landau e Jovem da Di Gênio, vendido ano passado em Uberaba (MG)”, explica.

Na ocasião, os organizadores aproveitaram para agradecer o produtor rural, Nego Alegrete, da agropecuária Santa Helena, que foi um dos maiores compradores do leilão. “Ficamos satisfeitos em ofertar animais de qualidade e agradecemos ao senhor Nego e os demais convidados, com propriedades em Aquidauana e região”, acrescenta Queiroz.

NELORE DI GÊNIO

A sede da Nelore Di Gênio está localizada na cidade de Pereira Barreto (SP), porém, a base de produção fica na fazenda Aimoré, no município de Juti, no qual existe um criatório de muita genética e rusticidade, adaptados à região do Pantanal.

A empresa investe em um ótimo manejo e ambiente tranquilo e saudável em todos os espaços do criatório. Com forte pressão de seleção em fertilidade e habilidade materna nas fêmeas e circunferência escrotal nos machos, a Genética DI GENIO mantém reprodutores em todas as principais centrais de inseminação do Brasil, a exemplo do touro LANDAU DA DI GENIO, em coleta na CRV Lagoa, e do LOGAN DA DI GENIO, na Alta Genetics, dois dos maiores produtores de sêmen do País.

Com propriedades nos estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Rondônia, participa das principais provas nacionais de ganho em peso a pasto e dos programas de melhoramento genético da ABCZ (PMGZ) e do PAINT (CRV Lagoa), com o objetivo de produzir animais duplamente certificados.

Anualmente, o criatório realiza, na Fazenda Aimoré, as Provas de Ganho em Peso a Pasto (PGPs), circuito interno para a identificação dos melhores reprodutores e das principais matrizes. Como resultado, os melhores indivíduos são escolhidos para serem doadores de sêmen e comercializados nos leilões.

Todo esse trabalho reflete na excelente padronização dos animais, que possibilitou a conquista do tricampeonato de melhor criador da raça Nelore de Mato Grosso do Sul nos anos 2011, 2012 e 2013.

 


ALINE OLIVEIRA