Orgulho

“Estou tendo a oportunidade de lutar em diversos países e representar nosso estado”

Aos 26 anos, o aquidauanense Matheus Godoy encerra o ano com uma medalha de ouro no Open Internacional de Jiu-Jitsu, em Berlim, na Alemanha

02/12/2019 12:00


 

Matheus Godoy Romero é lutador de jiu-jitsu e acabou de voltar para o Brasil com uma medalha de ouro no Open Internacional de Jiu-Jitsu, em Berlim, na Alemanha. Aos 26 anos, o atleta, que é aquidauanense e se sente orgulhoso em representar sua região.

“Sempre lutei todos os campeonatos possíveis. Hoje , morando fora, estou tendo a oportunidade de lutar em diversos países ,e representar nosso estado e nosso jiu jitsu pantaneiro, me deixa bastante feliz!”

Fã de esportes maciais desde pequeno, o atleta conta que começou com a luta quando criança. “Comecei a treinar muito novo, e desde que iniciei em competicoes, há 13 anos já vislumbrava um dia me tornar profissional. Essa transicão foi natural, acredito que consequencia do trabalho duro e suporte dos meus patrocinadores e família que confiam no meu trabalho, conta.

Escreva a legenda aqui

E essa transição foi transformando o pequeno aquidauanense em atleta profssional. De Aquidauana, o lutador foi para Campo Grande, onde treinou com Alan Régis, também conhecido como Tatuapú.

Em 2011, viajou para os Estados Unidos para participar do seu primeiro Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu da IBJJF, na Califórnia, e de lá se mudou para São Paulo, a fim de aprimorar ainda mais sua técnica e treinar em tempo integral.

Quatro anos depois, o aquidauanense se inscreveu no programa nacional de jiu-jitsu dos Emirados Árabes Unidos, uma estrutura que traz os melhores faixas-pretas e marrons de todo o mundo para treinar o sistema de escolas públicas do país. A inscrição de Matheus foi aceita e ele começou a passar seu tempo entre os Emirados Árabes Unidos e o Brasil, local onde está até hoje, mas que ainda visita Aquidauana e a região.

“Estou sempre que possível por aqui. Minha mãe mora em Bonito, e meus avós e meu pai em Aquidauana”.

De lá pra cá, Matheus ganhou diversas competições, e ganhou notoriedade ao vencer importantes torneios da Federação Internacional Brasileira de Jiu-Jitsu (IBJJF), Federação dos Jiu-Jitsu dos Emirados Árabes Unidos (UAEJJF), Abu Dhabi Jiu-Jitsu Pro Tour (AJP) e Spyder Korea Invitational.

“Olhando para  trás vejo que as dificuldades fazem parte da caminhada e que a persistência vale a pena.  Também acho que ainda não cheguei nem perto do que posso alcançar, mas estou trabalhando pra isso”

 

 

 

Principais conquistas:

• 1º lugar SPYDER Invitational (2017)

• 1º lugar no IBJJF Tel Aviv Open (2019)

• 1º Lugar IBJJF Amsterdam Open (2018 **)

• 1º lugar UAEJJF World Pro BR Qualifiers (2019)

• 2º Lugar IBJJF Floripa Winter Open (2018)

• 3º Lugar Aberto da Primavera da IBJJF Floripa (2017)

• 3º Lugar UAEJJF Grand Slam, Abu Dhabi (2018)

• 3º Lugar UAEJJF Grand Slam, Londres (2018)

Principais realizações (cintos coloridos):

• 1º lugar no Campeonato Brasileiro da IBJJF (2015 marrom)

• 2º Lugar Campeonato Mundial da IBJJF (2016 marrom)

• 2º Lugar Campeonato Sul-Americano da IBJJF (2013 roxo)

• 3º Lugar Campeonato Sul-Americano da IBJJF (2015 marrom)

** Absoluto

** Peso e Absoluto

Posição / Técnica Favorita: Kneebar


Mariana Oliveira