Histórico

Há 75 anos soldados de Aquidauana conquistavam bandeira inimiga

Essa conquista simboliza a queda do regime alemão genocida, em maio de 1945

02/06/2020 09:00


Era dia 30 maio 1945, em uma pequena vila da Itália chamada Collecchio, que os soldados do 9º Batalhão de Engenharia de Combate de Aquidauana apreenderam uma bandeira nazista. Após seis anos da segunda grande guerra, exatos um mês da morte de Adolf Hitler em um bunker, nossos soldados conquistaram a bandeira, simbolizando o fim do regime genocida.

Segundo contou os soldados que estavam ali, por volta das 10h, na região da Ponte de Scodogna, o 2º Sargento Meroveu Abreu Pereira, do 6º Pelotão, apreendeu a bandeira em uma viatura inimiga que se dirigia para um campo de concentração, após a rendição das tropas alemãs. Os soldados estavam ali fazendo a guarda dos prisioneiros de guerra.



A conquista da bandeira do inimigo derrotado é um troféu. Porém, ele só chegou em Aquidauana em abril de 2008, celebrando a união dos batalhões na luta pela democracia dos povos em todo o mundo.

“Agradeço aos superiores, a tão estimada presença, em um ato que entrará para história, haja vista que esta bandeira é o mais importante troféu de Guerra da 'Armas Brasileiras'”, destacou o Tenente Coronel Abílo Sizino, comandante do 9º BEC no dia da entrega da bandeira.

O exército nazista alemão se entregou no dia 7 de maio e nós podemos vez um fragmento de uma história mundial exposto no Espaço Cultural Marechal José Machado Lopes, no 9º BE Cmb de Aquidauana. 


Kamila Alcântara