Região

Há mais de 20 anos Atratur contribui para o melhor de Bonito e região

A entidade tem se destacado no cenário turístico de Bonito por ser uma das associações mais atuantes e com maior representatividade do setor

02/07/2020 10:17


A Associação dos Atrativos Turísticos de Bonito e Região (Atratur),há 24 anos luta para fomentar o turismo de Bonito e região. A entidade de pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos e econômicos foi por um grupo de empresários locais em 1996.

A Atratur tem como missão promover Bonito e região através da união e fortalecimento dos atrativos turísticos e da integração com os demais elos do trade e poder público, buscando a excelência nos serviços e o desenvolvimento sustentável da região.

A entidade tem se destacado no cenário turístico de Bonito por ser uma das associações mais atuantes e com maior representatividade do setor, com 24 empreendimentos turísticos associados, ou seja, cerca de 80% do potencial turístico da região.

Desde que foi criada, a Atratur estabeleceu parcerias com setores públicos e privados, atuando em prol do desenvolvimento da atividade turística da região de Bonito.

TRABALHO DURANTE PANDEMIA

Sempre pensando no bem de todos, tanto para quem mora na cidade e também para quem visita Bonito, a Atratur não cruzou os braços durante a pandemia do covid-19 e mesmo com os atrativos fechados, os empresários buscaram as alternativas mais seguras para garantir saúde e segurança para os turistas.

Em aproximadamente um mês, em parceria com o Sesi e Sebrae de Bonito, a Atratur conseguiu entregar um protocolo de biossegurança para a prefeitura. O documento já foi aprovado e aponta uma série de medidas que devem ser tomadas para a garantia de saúde e segurança em uma possível retomada do turismo na cidade.

Para garantir a proteção dos moradores e dos visitantes, mesmo com os atrativos fechados, os empresários continuam trabalhando e estão readequando os passeios para melhor atender toda população durante essa difícil fase que o mundo enfrenta.

‘Menos é mais’: com a reabertura dos atrativos, várias medidas de segurança foram adotadas, entre elas está a diminuição da quantidade de visitantes por passeio, além do uso de máscaras e álcool em gel disponíveis para todos. Todos os funcionários dos atrativos estão sendo treinados e pessoas especializadas precisarão aferir a febre de todos os visitantes.

O Presidente da Atratur, Guilherme Polli, adianta que a cidade pretende reabrir os atrativos a partir da primeira semana de julho, mas salienta que além das regras, Bonito já possui um diferencial em relação aos outros destinos. O setor também se preocupa em oferecer segurança para os turistas, moradores e funcionários dos atrativos.

“Os atrativos já trabalhavam com muito cuidado, mas todo zelo está sendo redobrado para retomarmos as atividades. No protocolo de biossegurança buscamos soluções em cada segmento já que eles possuem suas especialidades. Vamos diminuir os números de visitantes para evitar aglomerações, além do uso obrigatório de máscaras e do álcool em gel. Em Bonito não tem filas, os passeios são realizados sempre com um pequeno grupo de pessoas e agora, vai ser ainda menor. Acredito que a cidade vai ser um bom destino nesta fase que estamos enfrentando”, explicou o presidente da Atratur.

 

 


Assessoria