PMA

Mulher é multada por atear fogo em lixo de terreno

19/09/2020 11:40


A Polícia Militar Ambiental continua intensificando a fiscalização de queima nos perímetros urbanos e rurais, desde antes do início do período seco, e aumentando a fiscalização conforme o aumento dos incêndios, agora dentro da operação Focus deflagrada nesta semana.

Durante fiscalização ontem (18) à tarde no distrito de Nova Porto XV, a Polícia Militar Ambiental de Bataguassu flagrou uma mulher de 52 anos, no momento em que provocava um incêndio em resíduos de limpeza de um terreno, causando transtornos aos vizinhos.

Os Policiais obrigaram a infratora a extinguir o incêndio. Ela foi autuada administrativamente e foi multada em R$ 320,00. A autuada também poderá responder por crime ambiental de poluição, com pena prevista de um a quatro anos de reclusão.

Nas áreas urbanas, nenhum município autoriza realização de queima em qualquer período. No Estado, neste período mais seco, a Portaria do IMASUL nº 797, de 24 de junho de 2020 suspendeu as Autorizações Ambientais de queima controlada pelo prazo de 180 (cento e oitenta) dias para as áreas rurais.


PMA