Campanha solidária

Em 20 dias de arrecadação, mil famílias de MS não passarão fome neste mês

Na Capital, solidariedade atinge quem mais precisa por meio de cestas básicas

18/06/2021 09:55


Com a pandemia do novo coronavírus, a insegurança de não ter um prato de comida na mesa bateu à porta de muitas famílias brasileiras. Em Mato Grosso do Sul não foi diferente. Pensando em ajudar o próximo, uma campanha de arrecadação de alimentos já conseguiu atender o total de mil famílias em três comunidades da Capital – isso apenas em 20 dias de ação.

Somente em Campo Grande, estima-se que mais de 24 mil pessoas vivem em situação de pobreza ou extrema pobreza devido a situação pandêmica. Visando em dar um auxílio mesmo que momentâneo, a campanha Tocando em Frente Solidário vem arrecadando cestas básicas desde maio, com meta de 6 mil cestas até o dia 25 de junho, próxima sexta-feira.

"Se essa ajuda não tivesse chegado, não teríamos alimento para nenhum dia da semana", relata Lucineia Martins, moradora da Favela do Mandela, em Campo Grande. Como muitas outras, Lucineia é a dona de casa que vive em um barraco improvisado com os filhos e um neto – sendo ela a única provedora para a família.

Por meio de um mapeamento da Cufa MS (Central Única das Favelas do Estado de MS) foi possível averiguar a situação de maior vulnerabilidade em diversas cidades do país. Na Capital, foram contabilizadas pelo menos 6 mil famílias morando em favelas.

"Essa ajuda chegou em ótima hora pois estamos ampliando os trabalho para atender mais e mais pessoas. O que a gente percebe nas entregas é que a grande maioria das famílias são realmente compostas por mulheres que cuidam sozinhas dos filhos e dos netos, então poder ajudar a aliviar a fome e a necessidade principalmente das crianças é muito gratificante", destaca Lívia Lopes, coordenadora da Cufa MS.

Mulher recebendo cesta básica na Favela do Mandela, em Campo Grande.

O Tocando em Frente Solidário irá arrecadar cestas básicas e doações financeiras até o próximo dia 25 (sexta-feira), quando também será realizada uma live show com a participação de diversos artistas regionais e nomes nacionais. A campanha também conta com a parceria de diversas entidades civis e institucionais atuando na assistência social. No total, são mais de 15 parceiros.

Como ajudar – Doações provenientes dos interior do estado podem ser feitas por meio da vaquinha oficial da campanha, pela chave Pix tocandoemfrentesolidario@vaquinhasocial.com.br ou pelo número do WhatsApp (67) 98202-7588.

Em Campo Grande, os postos de arrecadação do Tocando em Frente Solidário são localizados em dois endereços: rua da Divisão, 362 (Jardim Parati) e na avenida Afonso Pena, 4557 (Jardim dos Estados).

No Instagram, o perfil da campanha é o @projetotocandoemfrente.


Raul Delvizio