Ressurgiu

Após dois dias sumida de casa, mãe retorna para a família em Anastácio

27/10/2021 08:31


A família de Antônia Cáceres González, 48 anos, agora pode suspirar aliviada – a mãe voltou aos braços dos parentes na noite de ontem (26). Ela havia sumido desde o último domingo até aparecer de repente na residência onde mora, em Anastácio.

As informações ainda são confusas, porém parcialmente relatadas pela filha Mariana. Ela conta que sua mãe estava se divertindo na noite dominical em meio a latinhas de cerveja com o marido e um colega de trabalho do seu esposo.

Quando o patriarca deu uma "saidinha" para conferir as crianças dentro de casa, na sequência quando voltou Antônia e o colega já não estavam mais presentes no local. Tanto o marido quanto os filhos confirmaram que esta não é a primeira vez que sua mãe faz esse tipo de coisa.

Uma testemunha disse à família que viu Antônia completamente embriagada ao lado desse homem, isso às margens da BR-262, no limite municipal entre Aquidauana e Anastácio. À Mariana, essa pessoa declarou que viu a mãe caindo e sendo arrastada ao atravessar a rodovia.

O ressurgimento de Antônia se deu depois das 21h de ontem (26), em sua própria casa. "Todo mundo ficou bastante preocupado. Veio minha irmã de Bonito e até meu irmão da fazenda dar apoio. Fomos juntos procurá-la nas ruas de Anastácio e até mesmo em Miranda, onde verificamos em um assentamento por meio de uma dica que nos passaram", disse Mariana, filha de 31 anos.

A matriarca, que voltou ainda embriagada e com machucados no braço e no rosto, não quis se explicar à família. Porém, devido o sumiço da mãe, a filha reportou à polícia seu desaparecimento em boletim de ocorrência.

"Mas ela não que ir à polícia contar os fatos. Fico aliviada e feliz que ela esteja conosco, porém não está tudo resolvido, não. Nem eu e ninguém sabe direito o que aconteceu, só ela. Temos que finalizar esse assunto com a polícia", finalizou Mariana.


Raul Delvizio