Executado

Promotor que atuava contra narcotráfico na fronteira é executado em Lua de Mel

O casamento ocorreu no dia 30 de abril

10/05/2022 14:58


O promotor de justiça do Paraguai, Marcelo Pecci, foi executado com três tiros durante a Lua de Mel, na Colômbia. O agente estava em Cartagena das Índias, com a esposa jornalista Claudia Aguilera. O casamento ocorreu no dia 30 de abril.

De acordo com o site Campo Grande News, a morte foi confirmada pela embaixadora do Paraguai naquele país, Sofía López Garelli.

Segundo informações preliminares, ele estava em uma praia onde é possível chegar apenas de barco e os executores teriam chegado de jetski no local.

Pecci comandava as ações do Ministério Público paraguaio contra o crime organizado, narcotráfico, lavagem de dinheiro e financiamento de terrorismo, inclusive na fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul.


Redação