Política

André visita Paraguai terça fortalecer colaboração sanitária

16/02/2009 08:00


Atualmente com o mesmo status sanitário na área de sanidade animal, Brasil e Paraguai vêm crescendo e fortalecendo a relação de colaboração na região de fronteira. Na terça-feira (17), o governador André Puccinelli e a secretária de Produção e Turismo, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, visitam o Paraguai para discutir intenções de melhoria da situação existente.


Equipes da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) e do Serviço Nacional de Saúde Animal (Senacsa) - o equivalente paraguaio à Iagro - estão realizando nesta semana recorridas na região de fronteira entre os dois países, acompanhados dos técnicos do Comitê Panamericano contra Aftosa.


"As visitas avaliam o que tem sido feito, o que está conflitante e o que pode ser melhorado. Essas ações são constantes e permitem que os técnicos dos dois países vejam as instalações e alinhem suas atividades. Dessa maneira, integra-se e se fortalece a intenção de manter Mato Grosso do Sul e a região paraguaia de fronteira livre da aftosa com vacinação", explica Tereza.


Em julho de 2008, Mato Grosso do Sul foi considerado pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) como área livre de vacinação com aftosa. Na segunda etapa da vacinação, ocorrida no final do ano passado, foram vacinados cerca de 16 milhões de animais na região do Planalto, 772 mil no Pantanal e aproximadamente 750 mil na Zona de Alta Vigilância, compreendida por 12 municípios na fronteira entre Brasil, Paraguai e Bolívia.


Mais que as ações na área de sanidade animal, a visita ao Paraguai servirá também para ampliar a troca de conhecimento sobre sanidade vegetal. "Apesar dos poucos focos ocorridos nesta safra, Mato Grosso do Sul tem um conhecimento imenso sobre controle da ferrugem asiática. A relação entre os dois países já é muito boa, mas essa visita servirá de coroação para o bom relacionamento", pontua a secretária.


MS Notícias