30 de novembro de 2020
Anuncie Aqui
-->

Confira os resultados desta quarta-feira no Campeonato Brasileiro

São Paulo vence o líder Cruzeiro no Mineirão. Grêmio perde para o Criciúma e desperdiça chance de encostar no líder. Botafogo reencontra o caminho das vitórias e bate o Náutico.

10 OUT 2013 - 08h15min
Globoesporte.com
CAMPEONATO BRASILEIRO 2013 (27ª RODADA)
 
Náutico 1 x 3 Botafogo (*foto)
A batuta de Seedorf estava pesada. O holandês passou 13 jogos sem fazer gols, vivendo o seu maior jejum com a camisa do Botafogo. Foram dias duros, com uma série de cinco jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, que derrubaram o time da segunda para a quarta colocação. Mas o holandês despertou e liderou os companheiros na vitória por 3 a 1 sobre o Náutico, nesta quarta-feira, na Arena Pernambuco, garantindo a terceira colocação, com 46 pontos, dois atrás do Grêmio, e com um novo ânimo para o clássico com o Flamengo, domingo, no Maracanã, pela 28ª rodada da competição.
 
- Esse grupo não vai desistir porque é uma escolha nossa. Vamos tentar fazer o máximo possível. O time está de parabéns - disse Seedorf.
 
Para o Náutico, o poço segue cada vez mais fundo. Depois de uma série de três jogos sem perder, o time sofreu novamente duas derrotas seguidas, estacionou nos 17 pontos, ocupando a lanterna do Campeonato Brasileiro, e terá pela frente o Internacional, em Caxias do Sul, no domingo.
 
- Eu acredito (na fuga do rebaixamento), não sei meus companheiros. O negócio é ter mais atenção, só isso - afirmou Bruno Collaço, lateral do Náutico.
 
 
Coritiba 1 x 0 Santos
Com um jejum de sete jogos sem vencer, o Coritiba entrou pressionado na noite desta quarta-feira, no Couto Pereira. Mas conseguiu quebrar a amarga rotina recente ao vencer o Santos por 1 a 0, gol do atacante Julio César no segundo tempo. O triunfo foi ainda mais importante porque evitou o risco de o time alviverde entrar na zona do rebaixamento nesta rodada.
 
Com a vitória, o clube paranaense chegou aos 34 pontos e aguarda o término da rodada para ver qual a atual distância para o grupo da degola. O Peixe continua entre os dez primeiros, com 36 pontos somados. O Coritiba volta a campo no sábado, às 18h30m (de Brasília), para encarar o Vitória, no Barradão. No mesmo dia, o Santos joga contra a Ponte Preta, às 21h.
 
 
Grêmio 1 x 2 Criciúma
Era contra o antepenúltimo. Diante de um time sem ganhar há oito jogos. E flertando com o rebaixamento. Pois o Grêmio, o segundo, com três vitórias consecutivas e ainda sonhando com o título do Brasileirão, não aproveitou a chance de, jogando na Arena, contra um rival teoricamente mais fácil, diminuir a vantagem do líder Cruzeiro. Mais do que ser impedido, foi superado. O Tigre repetiu a dose do jogo do primeiro turno e venceu por 2 a 1, pela 27ª rodada.
 
Wellington Paulista, o carrasco tricolor desde 2009, quando, ao defender o Cruzeiro, foi o responsável pela eliminação da semifinal da Libertadores, abriu o placar na noite desta quarta-feira. O sétimo gol dele contra o Grêmio. Maxi Rodríguez empatou. Serginho definiu, quase no fim.
 
Resultado que não mudou quase nada na tabela. O Grêmio é o segundo, com 49 pontos. O Criciúma subiu a 29, em 17º. As duas equipes continuam com seus objetivos na próxima rodada. No sábado, o Grêmio desafia o Fluminense, 18h30m, no Maracanã. O Criciúma, um dia depois, às 16h, no Heriberto Hulse, recebe o Vasco.
 
 
Ponte Preta 2 x 0 Atlético-MG
Uma semana após ser goleada pelo Atlético-MG, por 4 a 0, em Belo Horizonte, a Ponte Preta provou que está viva na luta contra o rebaixamento no Campeonato  Brasileiro. Empurrada pela torcida, a Macaca deu o troco aproveitando que o Galo foi a campo sem seus titulares e com a vitória, por 2 a 0, no Moisés Lucarelli, resgatou o ânimo para seguir na disputa pela permanência na elite nacional na próxima temporada.
 
A vitória da Ponte encerra um jejum de nove anos no confronto - a última havia sido por 2 a 1 no dia 1º de maio de 2004. A equipe campineira, no entanto, permanece na penúltima colocação, mas agora com 26 pontos. O Galo continua com 39 pontos, na quinta colocação.
 
Com moral após voltar a vencer depois de três jogos, a Ponte tenta embalar diante do Santos, sábado, às 21h, no Pacaembu. O Galo, porém, tem pela frente o clássico mineiro contra o rival Cruzeiro, domingo, às 16h, no Independência.
 
 
Bahia 2 x 0 Vitória
O ditado diz que, quem ri por último, ri melhor. Se ele for levado ao pé da letra, a torcida do Bahia ganhou, ao menos, um motivo para sorrir neste fim de 2013. No sexto Ba-Vi da temporada, o Tricolor, enfim, conseguiu o primeiro triunfo sobre o rival. Rafael Miranda e Fernandão, ambos no primeiro tempo, garantiram a festa tricolor em uma noite chuvosa e com mais de 30 mil pessoas na Arena Fonte Nova.
 
A vitória do Bahia não foi somente a primeira do ano marcado por duas goleadas sofridas: 5 a 1 e 7 a 3. O time de Cristóvão Borges conseguiu quebrar um tabu que já incomodava. Desde 1º de maio de 2011, o Bahia não conseguia derrotar o Vitória. Foram nove partidas de invencibilidade do Rubro-Negro. Na Fonte Nova, o jejum era ainda maior: 11 jogos sem que o Vitória perdesse.
 
Tabu quebrado e o fantasma do rebaixamento afastado. O Bahia chegou aos 36 pontos e se distanciou da turma do Z-4. De quebra, ainda freou a tentativa do rival. O Vitória, que precisava vencer para continuar na luta por uma vaga na Libertadores, estacionou nos 37 pontos.
 
A chance do Rubro-Negro de voltar a pensar nas quatro primeiras colocações será no sábado. O Vitória recebe o Coritiba, às 18h30m (de Brasília), no Barradão. Já o Bahia vai ao Serra Dourada para enfrentar o Goiás, no domingo, 18h30m (de Brasília).
 
 
Vasco 1 x 0 Fluminense
Dorival Júnior deu a Cris a responsabilidade de comandar o time em campo. A braçadeira de capitão, que é de Juninho Pernambucano, suspenso, caiu bem no zagueiro nesta quarta-feira. Não só pela representatividade que causa, mas pela sorte que trouxe. O zagueiro, contestado por parte da torcida, fez seu primeiro gol com a camisa do Vasco, o time venceu o Fluminense por 1 a 0, na Ressacada, em Florianópolis, e chegou a quatro jogos seguidos sem derrota no Campeonato Brasileiro - duas vitórias e dois empates.
 
Em uma rodada com resultados positivos para a maioria dos times da parte de baixo da tabela, os três pontos aliviam em parte o estresse do Vasco. Ainda no Z-4, com 32, ao menos é possível visualizar dias melhores - apenas dois pontos o separam do Fla, que joga na quinta. Já os tricolores, que chegaram a ficar oito jogos invictos, acumulam agora duas derrotas seguidas, e voltam a ver o rebaixamento bem mais perto do que o G-4.
 
Mandantes, os cruz-maltinos escolheram o local por conta da logística, já que o time vai enfrentar o Criciúma no domingo, no Heriberto Hülse, às 16h. O Fluminense volta ao Rio de Janeiro para pegar o vice-líder Grêmio, no Maracanã, sábado, 18h30m.
 
 
Cruzeiro 0 x 2 São Paulo
O Cruzeiro entrou em campo ciente do resultado da partida do Grêmio. Principal rival na disputa pelo título do Brasileirão, o Tricolor gaúcho foi derrotado em casa pelo Criciúma. Era a chance de a Raposa ampliar de 11 para 14 pontos a vantagem na ponta, mas havia um outro tricolor pelo caminho. Na noite desta quarta-feira, o São Paulo superou a equipe celeste por 2 a 0, derrubando a invencibilidade do líder no Mineirão em 2013 ? até então, 20 vitórias e um solitário empate ? e dando fim a uma sequência de 12 partidas sem derrota. Curiosamente, havia sido contra o time do Morumbi a última derrota azul no estádio: 2 a 0 no dia 12 de maio de 2010.
 
Muito bem armado por Muricy Ramalho, o Tricolor Paulista contou com os gols de Douglas e Éverton Ribeiro para continuar fora da zona de rebaixamento. Mas contou principalmente com a bela atuação de Paulo Henrique Ganso, em campo o maestro da equipe.
 
Apesar da decepção dos mais de 40 mil cruzeirenses presentes no Mineirão, a Raposa segue confortavelmente instalada na primeira colocação. Tem 59 pontos contra os 48 do Grêmio. O São Paulo, que viu seus rivais na parte de baixo da tabela vencerem seus jogos, está em 16º lugar com 33 pontos, um à frente do Vasco, primeiro clube do Z-4.
 
 
Corinthians 0 x 0 Atlético-PR
Recordista de empates do Campeonato Brasileiro, o Corinthians mais uma vez não saiu da igualdade. Pela 12ª vez nesta edição do torneio - a sétima sem marcar gols - o Timão não fez valer a força dos 15.581 pagantes no estádio Romildo Ferreira, em Mogi Mirim (o estádio suporta 19 mil), e ficou no 0 a 0 contra o Atlético-PR, que vinha embalado por uma vitória de virada no clássico contra o Coritiba. Resultado que pouco acrescenta às pretensões de ambas as equipes na parte final da competição nacional.
 
Ainda em busca de equilíbrio, o Corinthians mais uma vez esbarrou na falta de criatividade. Evoluiu no segundo tempo, com a entrada de Rodriguinho, mas não criou quase nada. Mais bem organizado, o Atlético-PR trocava passes com qualidade, mas não encontrava a melhor maneira de finalizar e superar Cássio. Assim, o empate sem gols pareceu o resultado mais óbvio.
 
O Atlético-PR tinha chance de colar no Grêmio, que perdeu em casa para o Criciuma e se manteve com 48 pontos, na vice-liderança. O Furacão foi a 45 e acabou ultrapassado pelo Botafogo, que bateu o Náutico, no Recife, e chegou aos 46.
 
Corinthians e Atlético voltam a campo no próximo domingo. Enquanto o Timão faz clássico contra o São Paulo, no Morumbi, às 16h (horário de Brasília), o Furacão recebe a Portuguesa no Durival de Britto, às 18h30m.
 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Homem diz que vai buscar documento da filha e mata namorado da ex

2
Policial

Funcionário de fazenda desaparece e familiares temem perda de memória

3
Aquidauana

Moradores estão preocupados com a aglomeração na Avenida Pantaneta

4
Policial

Com golpes de facão, homem é agredido até a morte em briga de vizinhos

Vídeos

Vídeo de princípio de incêndio na Gruta de Piraputanga viraliza

Carga de carvão tomba e cai de carreta no trevo da BR-262, em Anastácio

Acidente entre carro e caminhonete mata homem carbonizado

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min24 max38

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min24 max38

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,97m
Miranda
2,01m
Palmeiras
1,34m

Colunas e Blogs

Giovani José da Silva

HISTÓRIAS DE ADMIRAR: AINDA TEMOS MUITO A APRENDER (E ...

Valdemir Gomes

Mais...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"NÃO APRENDI..."

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Pousadas

Fazenda Santa Sophia

Rio Negro, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3686-2025
Auto Elétrica/Oficinas

Auto Peças Nossa Senhora de Fátima

Av. Integração, 197 Centro - 79210-000 Anastácio/MS (67) 3245-0046 / 324
Camping

Camping Aguapé - Estrada da Margem Esquerda

, - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 686-1036/9986-0 www.pousadaaguape.com.br
Ver Mais
Fale com a redação