25 de outubro de 2020
Anuncie Aqui
-->

Cruzeiro conquista o título brasileiro; confira os resultados desta quarta-feira

Raposa confirma a conquista do tricampeonato nacional com vitória na Bahia. No Paraense, Águia vence e assume a liderança da classificação

14 NOV 2013 - 09h35min
Globoesporte.com
CAMPEONATO BRASILEIRO 2013 - 34ª RODADA
 
Vitória 1 x 3 Cruzeiro (*foto)
Contam-se nos dedos os títulos tão bem saboreados quanto este do Cruzeiro. Foi uma conquista a conta-gotas, a conta-rodadas, jogo após jogo, um pouquinho de cada vez. Faz tempo que a torcida celeste se celebra como grande vencedora do Campeonato Brasileiro de 2013. Afinal, a Raposa não foi campeã (tricampeã!) nesta quarta-feira, 13 de novembro, com o triunfo de 3 a 1 sobre o Vitória em Salvador, como diz a matemática, fria por natureza. Não, não: ela vem sendo campeã há meses.
 
O que aconteceu no Barradão foi uma formalidade, quase uma burocracia ? a assinatura final na lista de façanhas do time cruzeirense. Melhor: do timaço cruzeirense, essa equipe que é mecânica sem ser quadrada, que é agressiva sem ser afobada, que joga bonito sem cair na tentação da firula. Desde 2003, quando o próprio Cruzeiro ganhou o primeiro Brasileirão por pontos corridos, poucos títulos foram tão inquestionáveis. De Fábio a Borges, de Dedé a Everton Ribeiro, a Raposa sobrou.
 
E foi campeã fazendo aquilo que mais sabe, aquilo que mais repetiu: vencendo. Nem precisava. A derrota de 2 a 1 do Atlético-PR para o Criciúma já garantia o título ao Cruzeiro. Mas campeão é campeão (tricampeão é tricampeão). Contra um adversário forte, mergulhado na batalha por vaga na Libertadores, foi lá e venceu. Já no intervalo, com o fim da partida no Heriberto Hülse, os jogadores celestes festejaram o título - mesma ação da torcida azul mundo afora.
 
Por outro lado, o resultado foi péssimo para o Vitória. A equipe baiana precisava dos três pontos. É curioso: o jogo da confirmação do título do Cruzeiro era mais importante para o Leão do que para os mineiros. Com a derrota, a equipe de Ney Franco estacionou nos 51 pontos, na sexta colocação, cinco atrás do G-4. A Raposa foi a 74, inacreditáveis 16 a mais que o Atlético-PR, o segundo colocado. Os gols da partida foram marcados por Willian, Julio Baptista e Ricardo Goulart para o Cruzeiro e Dinei para o Vitória.
 
 
São Paulo 2 x 0 Flamengo
No duelo de quem não tem muito mais o que fazer no Brasileirão, venceu aquele que quis, ao menos, vencer. Nas fases decisivas das copas Sul-Americana e do Brasil, São Paulo e Flamengo deixaram para poupar seus jogadores no fim de semana e entraram em campo com o que tinham de melhor. E os melhores dos paulistas mostraram também mais disposição no estádio Novelli Júnior, em Itu. O resultado? Vitória por 2 a 0, sem sustos, em partida válida pela 34ª rodada.
 
Os jogadores fizeram um protesto curioso no início da partida, em nome do Bom Senso F.C., grupo que reivindica mudanças no calendário do futebol brasileiro. Reuniram-se com o árbitro Alício Pena Júnior e, após o apito inicial, apenas trocaram passes, de um lado do campo para o outro, durante quase um minuto. Com isso, evitaram o risco de serem punidos com cartão amarelo.
 
O resultado afasta definitivamente qualquer risco de rebaixamento do Tricolor, que chegou aos 49 pontos e ocupa a sétima posição na tabela - a melhor de um clube paulista. Pela frente, os comandados de Muricy Ramalho têm o Fluminense, domingo, às 17h (de Brasília), no Maracanã. A grande preocupação, porém, é com a semifinal da Copa Sul-Americana, contra a Ponte Preta.
 
A situação do Flamengo é praticamente a mesma. Se os 45 pontos e a 12ª colocação ainda deixam os cariocas com um pequeno risco de cair para Série B, o pensamento já está na decisão da Copa do Brasil, diante do Atlético-PR. Tanto que no domingo, às 19h30m, a tendência é que apenas reservas entrem em campo diante do Grêmio, na Arena, em Porto Alegre.
 
 
Grêmio 1 x 0 Vasco
Num time que conta com os experientes atacantes Barcos e Kleber, coube a um zagueiro a missão de acabar com um tabu do Grêmio. Rhodolfo selou a vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, nesta quarta-feira, em Porto Alegre, quebrando um jejum de gols que durou 653 minutos - foram cinco jogos em branco. O resultado aliviou a pressão sobre o técnico Renato Gaúcho e deixou o Tricolor gaúcho firme no G-4, com 57 pontos. Já os cruz-maltinos voltaram à zona de rebaixamento ao fim da 34ª rodada depois da vitória do Criciúma sobre o Atlético-PR.
 
A partida teve protesto dos jogadores em nome do Bom Senso FC, que reivindica mudanças no calendário do futebol brasileiro. Eles ficaram parados e de braços cruzados por 30 segundos após o apito inicial de Francisco Carlos do Nascimento (AL). O árbitro indicou que daria um minuto de acréscimo, mas terminou o primeiro tempo 45 minutos depois da saída de bola.
 
Na próxima rodada, o Grêmio recebe o Flamengo às 19h30m de domingo, e o Vasco visita o Corinthians no Pacaembu no mesmo dia, mas às 17h.
 
 
Goiás 2 x 0 Ponte Preta
O apoio dos jogadores ao Bom Senso FC, com direito a faixa 'Por um futebol melhor para todos', acabou refletindo positivamente em campo apenas ao Goiás, que mostrou desempenho digno de clube que luta por vaga na Libertadores. Com boa atuação da dupla Eduardo Sasha e Walter, venceu por 2 a 0 no Serra Dourada, pulou para quarto com o tropeço do Botafogo e complicou a vida da Ponte Preta no Z-4.
 
Sasha brilhou. Abriu o placar e deu a assistência para o gol do meia Ramon, que foi surpresa na escalação e selou o triunfo esmeraldino. Mais vivo do que nunca na luta pelo sonho do G-4, o clube Alviverde completou nove rodadas de invencibilidade, foi a 56 pontos e impôs nova derrota à Macaca, vice-lanterna com apenas 34 e ainda mais ameaçada pela degola.
 
Na próxima rodada, a 35ª da Série A do Brasileiro, o Goiás enfrenta o Internacional, domingo, às 19h30m, novamente em Goiânia. No mesmo dia, só que mais cedo, às 17h, a Ponte Preta viaja e encara o Cruzeiro no Parque do Sabiá, em Uberlândia.
 
 
Botafogo 0 x 0 Portuguesa
O Botafogo esperava seguir na zona de classificação para a Libertadores, e a Portuguesa, afastar a ameaça de rebaixamento. O empate por 0 a 0 no Maracanã, no entanto, deixou os dois lados frustrados. A torcida alvinegra, que deu uma trégua e não protestou durante o jogo, viu seu time deixar o G-4 pela primeira vez desde a quinta rodada do Brasileiro, justo na reta final. A Lusa, por sua vez, soma 41 pontos, só quatro à frente da zona de degola, e ainda corre risco. Foram 7.654 pagantes, com renda de R$ 180.290.
 
O empate ficou mais amargo para os alvinegros porque o Goiás venceu a Ponte Preta e tomou a quarta posição na classificação, com 56 pontos. O Botafogo tem 54, não vence há três jogos (vinha de duas derrotas) e agora tem pela frente um duelo contra o vice-líder Atlético-PR, no sábado. A Lusa enfrenta o Atlético-MG no Canindé, no domingo.
 
 
Criciúma 2 x 1 Atlético-PR
Ainda que sua luta fosse na parte de baixo da tabela, o Criciúma definiu o topo da classificação. A vitória do Tigre sobre o Atlético-PR não apenas fez com que os catarinenses saíssem da zona de rebaixamento. O 2 a 1 sobre o Furacão, no Heriberto Hülse, deu a taça do Campeonato Brasileiro ao Cruzeiro antes que o jogo do líder acabasse e espaço fora do Z-4 aos carvoeiros ? após 12 rodadas dentro. O rubro-negro do Paraná não tem mais como conter a Raposa. Resta a briga por vaga na Libertadores, que também tem outra frente, a Copa do Brasil. Ficou o 100º gol de Paulo Baier em Campeonatos Brasileiros.
 
A vitória valeu muito ao Tigre, porque conseguiu sair do Z-4 e ainda foi dormir na 15ª colocação. Para tentar continuar fora da zona de rebaixamento, tenta ao menos somar pontos diante de outro paranaense. O Criciúma encara o Coritiba às 21h de sábado, no Couto Pereira. O Atlético-PR pode ter permitido a festa em Minas Gerais, mas segue na segunda colocação e na briga pela Libertadores, embora Grêmio e Goiás tenham encostado com suas vitórias nesta quarta. O Furacão pode se manter na segunda colocação caso vença o Botafogo em embate também no sábado, mas às 19h30m e no Maracanã.
 
 
Coritiba 0 x 1 Corinthians
O Corinthians só havia vencido dois jogos seguidos em uma oportunidade no Campeonato Brasileiro, há mais de três meses (contra Criciúma e Grêmio, ambos por 2 a 0, pela 10ª e 11ª rodada). O jejum acabou nesta quarta-feira. Após bater o Fluminense, no último domingo, o Timão conquistou a rara sequência ao bater o Coritiba por 1 a 0, no estádio Couto Pereira. O volante Guilherme marcou o gol que fez a equipe alcançar a zona de conforto da competição. Para o Coxa, a degola segue como ameaça real.
 
Com 48 pontos, o Timão sobe para a nona colocação do Brasileirão, enquanto o Coxa cai para a 14ª posição, estacionado nos 41 pontos. No próximo sábado, a equipe paranaense viaja para enfrentar o Criciúma, às 21h (horário de Brasília), no estádio Heriberto Hulse, em Florianópolis. Já no domingo, às 17h, o Corinthians recebe o Vasco, no Pacaembu.
 
 
CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO 2013 - SEGUNDA FASE - 3ª RODADA
Vitória-PE 1 x 1 Rio Preto
Tuna Luso 0 x 1 São José-SP
Adeco 4 x 0 São Francisco-BA
 
CAMPEONATO PARAENSE 2014 - PRIMEIRA FASE - 3ª RODADA
Time Negra 1 x 1 Castanhal
Independente-PA 1 x 2 Águia de Marabá
Parauapebas 2 x 1 Tuna Luso
Gavião 0 x 0 São Raimundo-PA
 
COPA RIO 2013 - SEMIFINAIS (JOGOS DE IDA)
Duque de Caxias 4 x 1 Bangu
Boavista 0 x 0 Volta Redonda
 

Veja também

Mais Lidas

1
Anastácio

JBS oferece vagas de emprego em Anastácio

2
Aquidauana

Aquidauana e cidades da região estão em alerta para perigo de chuvas intensas

3
Aquidauana

Agenda Cultural: cinema volta a ser opção de lazer em Aquidauana

4
Agronegócio

Depois de resgatar gado pantaneiro, Marcus Ruiz quer que espécie seja reconhecida

Vídeos

Incêndio de grandes proporções consumiu atacadista, em Campo Grande

Em mais um acidente na MS-450, bombeiros resgatam vítima das ferragens

Onça-parda é flagrada 'passeando' por bairro e assusta moradores

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max35

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
min23 max35

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,22m
Miranda
1,52m
Paraguai
(-) 31

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"UM HOMEM ESPANHOL"

Dr. Giuliano Máximo

A pandemia e as eleições

Valdemir Gomes

Nasce...

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Ag. Correios

Agencias dos Correios -Central

Manoel Antonio Paes de Barros, 620 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 6065
Médicos

Laudison P. Lara Spada - Clinico Geral e Ginecologista

Rua Manoel A. da Costa, 630 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3438
Escolas Municipais

Escola CAIC Antonio Pace

Rua Felipe Orro, s/n Bairro da Exposição - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Ver Mais
Fale com a redação