21 de outubro de 2020
Anuncie Aqui
-->

Indígenas ocupam mais uma fazenda em Miranda, já são 68 propriedades invadidas em MS

Apesar de empunharem armas branca, ação não foi violenta.

9 OUT 2013 - 16h10min
redação
Na manhã desta quarta-feira (9), um grupo de aproximadamente 30 indígenas da etnia Terena invadiu a chácara Boa Esperança, localizada no Km 559 da BR 262, em Miranda (MS).  No local, funciona a empresa Trator Mil, especializada em comercialização de tratores e maquinários agrícolas, de propriedade de Ernesto Milani.
 
De acordo com o empresário, os indígenas pertencem à aldeia Moreira, vizinha da propriedade de 12 hectares e entraram na fazenda às 5h, onde estava apenas o caseiro. Apesar de empunharem armas brancas, os invasores não fizeram uso de violência. "Eles reivindicam terra, querem a propriedade e pediram a imprensa e a Funai lá", relata.
 
O filho do empresário, Fernando Milani, afirma que o relacionamento com os indígenas sempre foi pacífico e está sendo mantido o diálogo. "Nossa propriedade não é território indígena e eles sempre respeitaram. Creio que o fato da proximidade da aldeia fez com que eles tenham decidido invadir, mas esta é a primeira vez que temos algum tipo de problema com eles", detalha Milani.
 
No local, segundo os proprietários, há muitas peças de maquinários agrícolas, tratores, uma lancha, documentos e a residência do caseiro. A polícia já foi acionada. "Queremos agir de maneira pacífica, através do diálogo, para resolver essa situação sem problemas", ressalta Ernesto Milani.
 
Esta é a 68ª propriedade invadida em Mato Grosso do Sul, segundo os dados da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Sistema Famasul). No último dia 30 de setembro, produtores rurais se reuniram na sede da entidade para manifestar a insatisfação com a falta de resposta por parte do Governo Federal em buscar uma solução para o conflito de terras no Estado.

Durante a reunião, o presidente da Famasul, Eduardo Riedel destacou a urgência em solucionar a questão indígena. "Esse vácuo de poder, vindo do Executivo, do Judiciário e do Legislativo, coloca em risco a democracia e a Justiça brasileira. O problema indígena é social e não fundiário, com a falta de médicos e de assistência ", avalia Riedel.
 
 

Veja também

Mais Lidas

1
Policial

Mãe flagra filha adolescente seminua com o marido e é atingida a golpes de facão

2
Aquidauana

Sem sinalização, mais um acidente é registrado na rua Antônio Campelo

3
Miranda

Com prefeito a bordo, pescadores se maravilham ao avistar 4 onças à beira do Rio Miranda

4
Aquidauana

Para Tati, fé foi imprescindível para superação da perda e também na chegada de Sofia

Vídeos

Incêndio de grandes proporções consumiu atacadista, em Campo Grande

Em mais um acidente na MS-450, bombeiros resgatam vítima das ferragens

Onça-parda é flagrada 'passeando' por bairro e assusta moradores

Ver mais Videos

Previsão do Tempo

min23 max32

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.
min23 max32

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Chove rápido durante o dia e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,22m
Miranda
1,52m
Paraguai
(-) 31

Colunas e Blogs

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

"JÁ TENTEI OLHAR BEM DE PERTO"

Valdemir Gomes

Ainda...

Rosildo Barcellos

Poluição como questão de saúde pública!

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Transportes

EXPRESSO MATO GROSSO

Rua Estevão Alves Corrêa, s/n - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2158/241 1
Associações e Sindicatos

AABB - Associação Atlética Banco do Brasil

Rua João Dias Feitosa, 1661 Bairro da Serraria - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 3051/99911
Médicos

Rute C. Noguchi - Dermatologista

Rua Marechal Mallet, 567 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3114
Ver Mais
Fale com a redação