X

'O amor é cego', diz Rihanna sobre relacionamento com Chris Brown


Cantora falou em entrevista à TV sobre agressão do ex-namorado.
Ela ainda aconselhou mulheres que passam por situação semelhante.
Rihanna falou nesta quinta-feira (5) à ABC News sobre as agressões que sofreu do cantor Chris Brown em fevereiro. A cantora se disse envergonhada por ter se apaixonado por um homem como ele e aconselhou as mulheres que passam por situações semelhantes. "Afaste-se da situação, olhe para ela como se fosse uma terceira pessoa. Veja a situação como ela é verdadeiramente e então tome sua decisão. Porque o amor é cego", disse ela.


Nascida em Barbados, Rihanna, cujas canções de sucesso incluem "Umbrella" e "Disturbia", disse que sentiu vergonha quando o público tomou conhecimento do incidente. Uma foto feita pela polícia que mostra o rosto dela machucado e sangrando foi vazada para a imprensa, e uma descrição detalhada dos fatos foi incluída nos documentos do tribunal.


"Eu não queria que as pessoas pensassem que esse era o tipo de pessoa pela qual me apaixonei", disse Rihanna à jornalista Diane Sawyer no programa "Good morning America", da ABC. "É vergonhoso. Me apaixonei tanto, de modo tão incondicional, que voltei para ele", disse a cantora. Rihanna e Chris Brown reataram o relacionamento semanas depois da agressão e passaram tempo juntos em Miami, na casa do rapper Sean "Diddy" Combs. Mas depois Rihanna terminou o namoro. "É normal voltar. Você começa a mentir para você mesma. Assim que as feridas físicas saram, você quer que tudo isso vá embora. É uma lembrança que você nunca mais quer ter."
Mas a cantora de 21 anos disse que foi motivada a deixar Brown por saber que muitas meninas a admiram. "Quando me dei conta de que minha decisão egoísta pelo amor poderia levar alguma garota a ser morta, não fiquei tranquila", disse ela na entrevista. "Eu não podia me sentir responsável por dizer a elas 'voltem' [aos seus namorados]. Mesmo que Chris nunca me batesse de novo, quem pode garantir que os namorados delas não o fariam?"


Chris Brown foi sentenciado a 180 dias de serviços comunitários e cinco anos de liberdade condicional pela agressão. Ele pediu desculpas publicamente e começou a prestar serviços comunitários, que incluem limpeza de estradas, em seu Estado natal da Virgínia.
Nesta sexta-feira, o "Good morning America" vai transmitir a segunda parte da entrevista de Sawyer com Rihanna. A popstar vai falar sobre o que aconteceu naquela noite em fevereiro, quando Brown bateu nela, na véspera do Grammy.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Policial

PRF lança operação nacional para reforçar segurança nas rodovias

Diretor do órgão quer autorização para contratar aprovados em concurso

Saúde

Casos de dengue em gestantes aumentam 345% em 2024

Aumento representa um quadro preocupante de saúde pública

Voltar ao topo

Logo O Pantaneiro Rodapé

Rua XV de Agosto, 339 - Bairro Alto - Aquidauana/MS

©2024 O Pantaneiro. Todos os Direitos Reservados.

Layout

Software

2
Entre em nosso grupo