31 de julho de 2021
Anuncie Aqui
Policial

Criminalidade em Mato Grosso do Sul e na Capital apresenta queda em 2019

13 NOV 2019 - 10h44min
Sejusp

Os principais indicadores de criminalidade de Mato Grosso do Sul e de Campo Grande, monitorados diariamente pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), apresentaram redução nestes dez meses de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado. A principal queda está relacionada as ocorrências de roubos seguidos de morte (latrocínio), que configuram com uma diminuição de 47,6% no Estado, sendo registrados 11 casos, enquanto na Capital esse percentual é ainda maior 77,8% – duas ocorrências em 2019 e nove em 2018.

View Energy Solar_02

Balanço divulgado pela Sejusp, ainda mostra que ocorreu redução nas ocorrências de crimes contra o patrimônio. Os roubos em comércios caíram 32,4%, sendo registrados 303 ocorrências em 2019. Logo depois estão os roubos de veículos com uma redução de 29,7%, passando de 639 registros para 449 em 2019. Em seguida estão as ocorrências em vias públicas com recuo de 21,1%. Já os delitos ocorridos em residências, as estatísticas apontam que os índices caíram 19,1%.

Em Campo Grande o destaque também é para os casos envolvendo roubos em estabelecimentos comerciais, com redução de 43,4%, seguido das ocorrências envolvendo veículos (-23,8%), em vias públicas (-20,1%) e dos casos envolvendo residências (-16,3%).

De acordo com as estatísticas houve também uma redução de 14,2% dos homicídios dolosos (com intenção de matar), em relação ao ano passado. Na Capital os números são ainda melhores, sendo 77 mortes em 2018 e 57 em 2019, ou seja, um recuo de 26%. Nestes dez meses outro delito que apresentou queda foram as ocorrências de homicídios culposos no trânsito em todo o MS (- 10,9), já em Campo Grande (-26,8%).

O secretário da Sejusp, Antonio Carlos Videira, destacou que o resultado é fruto de um trabalho intenso de combate ao tráfico doméstico de drogas, aquele cometido dentro do Estado, do uso da inteligência para ampliar as ações onde os índices de crimes eram mais elevados e da diminuição de presos nas delegacias, liberando policiais civis para a repreensão e investigação.

“Na região de faixa de fronteira, dos 12 crimes monitorados, 11 tiveram redução. Na Capital também. Essa queda pode ser verificada tanto nos crimes contra a vida como nos contra o patrimônio. Isso se deve ao enfrentamento do tráfico doméstico, às ações de investigação, às inúmeras operações e aos investimentos do Governo do Estado por meio do programa MS Mais Seguro”, afirmou.

Dos 12 delitos monitorados diuturnamente pela secretaria o feminicídio foi o único que não apresentou redução, sendo registrados 25 em 2019 e o mesmo número em 2018. Em Campo Grande foram cinco óbitos registrados nestes dez meses.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Polícia Ambiental autua dois homens por caça ilegal de porcos silvestres

2
Geral

Acidente na Estrada do Pequi deixa uma pessoa ferida

3
Miranda

Comerciante de munições é denunciado pela própria filha

4
Geral

De office boy a secretário de finanças, Adriano tem a caminhada da vida recheada de orgulho

Informe Publicitário

Informe

De barraca a supermercado, poema conta história da Rede Atlântico

Previsão do Tempo

min11 max28

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min11 max28

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,88m
Miranda
1,70m
Paraguai
1,00m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Com...

Rosildo Barcellos

Aruanã Etô – É o lugar das máscaras !

Gabriel Novis Neves

A GRATIDÃO TAMBÉM É VIRTUDE ETERNA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Telefones Úteis

Policia Militar - 7º BPM

João Lopes Assunção, s/nº Bairro Alto - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-2212/3241-
Auto Posto

POSTO JC

Estevão Alves Correa, 901 - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 3426
Médicos

Auracélia da Silva Marques Barbero

Rua 07 de Setembro, 1193 Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-3665 / 998
Ver Mais
Supermercado Seriema - 31/07/2021
2
Entre em nosso grupo