18 de outubro de 2021
Anuncie Aqui
estupro

'Ela bebeu porque quis', diz suspeito de estuprar enteada de 3 anos

Mãe e irmão de vítima serão ouvidos nos próximos dias

4 MAR 2017 - 10h12min
Danielle Valentim - Midiamax

O pedreiro, de 54 anos, preso em flagrante por suspeita de estupro da enteada de três anos, no Bairro Santa Carmélia, nesta quinta-feira (2) afirmou em depoimento à Polícia Civil que a criança bebeu porque quis. Ele foi flagrado pela vizinha e preso pela PM (Polícia Militar) em um bar da região. Em audiência custódia realizada nesta sexta-feira (3), o juiz manteve o pedido de prisão preventiva.

Campanha Drogaria Aquidauana Institucional - 02

A prisão ocorreu, por volta das 12h40, em um bar do Bairro Santa Carmélia. O suspeito havia fugido de casa após ser flagrado, abusando da enteada, por três testemunhas.

Segundo o registro policial, o casal havia bebido durante toda a manhã e a mãe da menina 'apagou'. Se aproveitando da situação, o suspeito pegou a criança e se dirigiu até a varanda do fundo da residência, onde arriou as calças, colocou a menina sem calcinha em seu colo e passou a estuprá-la. Três pessoas testemunharam o crime.

Os gritos da menina - "Ai papai, para papai" -, chamaram a atenção da vizinha, que decidiu olhar por um buraco no muro. A mulher correu para a rua e pediu a ajuda de uma agente de saúde, que passava em frente a casa, que acionou a PM. Neste tempo, a filha da vizinha também chegou em casa e flagrou o crime.

O pedreiro suspeitou do movimento e saiu da casa, mas foi preso minutos depois, em um bar, pela PM.

Na casa, a polícia constatou o forte odor etílico vindo da criança. Questionado sobre a situação, o homem tentou se justificar à polícia dizendo que a criança bebeu voluntariamente. "Ela bebeu porque quis, bebeu sozinha".

A criança já passou por exames no Imol (Instituto Médico de Odontologia Legal) e está abrigada e sob os cuidados do Conselho Tutelar.

Durante a prisão em flagrante, o delegado Paulo Sérgio Lauretto, titular da Dpca (Delegacia de Protecao a Crianca e ao Adolescente), já havia feito o pedido de prisão preventiva, e na audiência de custódia realizada nesta manhã, o juiz acatou e manteve a prisão. O suspeito aguardará julgamento no Ptran (Presídio de Trânsito) de Campo Grande.
A mãe da criança, de 41 anos, e o irmão da vítima, de 22, que não morava com o casal, serão ouvidos no próximos dias. Se comprovada a participação ou facilitação da prática do crime, a mulher poderá responder pelos crimes e também por abandono de incapaz.

A Polícia Civil não informou se o abuso foi praticado pela primeira vez ou se já ocorria há algum tempo. A pena do crime de estupro de vulnerável é de 8 a 15 anos de prisão; já o fornecimento de bebida alcoólica para menores é de 2 a 4 anos.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Aquidauana

Familiares informam velório de Joséfa Maria

2
Policial

Após temporal, idoso escorrega de telhado e morre

3
Policial

Homens são presos com pintados fora da medida em camionete

4
Policial

Homem é preso ao tentar fugir de bar sem pagar a conta

Informe Publicitário

Informe

Drogaria Aquidauana: há 8 anos protegendo sua família

Previsão do Tempo

min17 max28

Aquidauana

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.
min17 max28

Anastácio

Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Aliás...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

AI de ti, AQUIDAUANA!

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Advocacia

Heber Seba Queiroz

Rua Marechal Mallet, 398 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-9999 / Cel
Casas de Shows

GRESSA

Visconde de Taunay, 457 Bairro Guanandy - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4142/9201-
Moto Táxi

Moto Táxi Central

Rua Teodoro Rondon, 715 Centro - Ponto de referência: frente ao Mercado Ce - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241 2075
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo