19 de junho de 2021
Anuncie Aqui
-->
Coronavírus

Fique atento: Quebrar toque de recolher em MS pode dar detenção de 15 dias a 6 meses

Toque de recolher foi imposto para evitar novas infecções de Covid-19

15 DEZ 2020 - 14h00min
Governo de MS

Em Mato Grosso do Sul, quem quebrar o toque de recolher imposto pelo decreto estadual 15.559 pode ser autuado pelo crime de desobediência, que prevê detenção de 15 dias a seis meses, além da aplicação de multa, explicou o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, nesta terça-feira (15), segundo dia da normativa no Estado.

Campanha Drogaria Aquidauana Institucional - 12

Segundo ele, policiais militares foram orientados em relação às abordagens nas ruas. “Nosso primeiro objetivo é orientar. Quem insistir (em quebrar o toque de recolher) será autuado e encaminhado à delegacia por crime de desobediência. Inclusive, a Polícia Civil já está com reforço para receber esses casos”, avisou o secretário.

O toque de recolher foi imposto em Mato Grosso do Sul para evitar novas infecções de Covid-19. Com a medida em vigor até o dia 28 de dezembro, está proibida a circulação de pessoas entre 22h e 5h em todas as 79 cidades do Estado. Quem precisa trabalhar nesse horário está livre para descumprir o decreto, mas deve comprovar a situação. Casos de emergência médica ou urgência inadiável também serão tolerados.

Ainda de acordo com Videira, a autuação por desobediência gera consequências negativas para o cidadão. “A pessoa passará a ter uma anotação de antecedente criminal, que dificulta a vida em caso de concurso público, por exemplo, ou até em processos seletivos”, explicou.

Além de ser detido pelas forças de segurança, quem for pego mais de uma vez infringindo o toque de recolher pode pagar multa. Nesse caso, quem define o valor a ser cobrado é o Poder Judiciário.

Em todo o Estado, a fiscalização do cumprimento das regras do toque de recolher está a cargo da Polícia Militar, que conta com apoio do Corpo de Bombeiros, Vigilância Sanitária Estadual, vigilâncias sanitárias municipais e guardas civis municipais - no caso de Bonito, Campo Grande, Corumbá, Dourados e Ponta Porã. “Todos atuarão em sintonia”, afirmou.

1ª noite de toque de recolher

Segundo o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Pedro Arlei Caravina, que é prefeito de Bataguassu, a população está resistente ao toque de recolher. "Alguns prefeitos relataram dificuldades na primeira noite do toque de recolher. A situação já foi repassada ao Estado. Precisamos de mais apoio nas fiscalizações", disse. 

Para Caravina, que é a favor da restrição de circulação de pessoas entre às 22h e 5h, o importante neste momento é trabalhar a conscientização das pessoas e ampliar as fiscalizações previstas no decreto. Só assim será possível frear o avanço da Covid-19.

 

Veja também

Mais Lidas

1
Geral

No Pantanal, onça monitorada é achada morta junto com outro felino e mais 17 animais

2
Geral

"Fiquei apavorada", diz empresária ao descobrir que homem ejaculou em carro

3
Geral

Motorista atropela cavalo em rodovia e uma pessoa é socorrida pelos bombeiros

4
Geral

Confira as oportunidades da Casa do Trabalhador de Aquidauana

Informe Publicitário

Informe

Carne Angus certificada é na Atlântico Supermercados

Previsão do Tempo

min14 max24

Aquidauana

Sol com algumas nuvens. Não chove.
min14 max24

Anastácio

Sol com algumas nuvens. Não chove.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
2,20m
Miranda
3,39m
Paraguai
1,56m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Cada...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

PARTE XVI: AUTOESTIMA: FORTIFICÁ-LA!

Rosildo Barcellos

A Retomada de Corumbá

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Escolas Municipais

Escola Municipal Ada Moreira Barros

End: Rua João Ferreira Hormondes, s/n Distrito de Cipolândia - 79208-000 Aquidauana/MS (67)
Bares/Panificadoras/Lanchonetes

Cacimba Sorveteria

R. Manoel Antônio Paes de Barros, 616 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-6272
Pousadas

Pousada Pequi

Estrada da Margem Esquerda, ------- - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3245-0949 / 368 www.pantanalpequi.com.br
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo