23 de outubro de 2021
Anuncie Aqui
"Dark Money"

Policiais civis deflagram segunda fase da operação e prendem mais um envolvido

Ex-funcionário publico foi encontrado em uma fazenda, na zona rural de Maracaju

27 SET 2021 - 11h13min
João Marcelo Correia Sanches

Na tarde de ontem (26), mais um investigado foi preso por integrar organização criminosa envolvida no desvio de mais de R$ 23 milhões dos cofres públicos do município de Maracaju. A ação corresponde à segunda fase da Operação Dark Money, deflagrada na quarta-feira (22).

View Energy - Outubro_9

Trata-se de um funcionário público comissionado à época, apontado como peça chave no esquema que ocorreu entre novembro de 2019 e 2020. Com ele foram apreendidos também dois veículos.

O mandado de prisão preventiva foi cumprido na área rural do município de Maracaju, em uma ação conjunto envolvendo a Delegacia de Polícia da cidade e os policiais civis do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (Dracco).

O preso foi encaminhado para o setor de carceragem da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos (Derf).

As diligências investigativas prosseguem visando desmantelar toda a organização criminosa e recuperar o patrimônio público desviado.

Na primeira fase, sete pessoas foram presas temporariamente entre as mais de 26 buscas e apreensões realizadas. Foram apreendidos eletrônicos, smartphones, computadores, documentos, 10 veículos, um barco com carretinha, joias, discos rígidos e várias cédulas de cheque que, somadas, chegavam a R$109 mil. Mais R$143 mil em espécie foram recuperados, além de armas de fogo e munições de vários calibres. Diversas contas bancárias de pessoas físicas e jurídicas foram bloqueadas.

Entenda o caso – A partir de negócios jurídicos dissimulados, integrantes do alto escalão da prefeitura emitiram mais de 600 lâminas de cheques – totalizando mais de R$ 23 milhões – a empresas sem nenhum lastro jurídico para amparar os pagamentos. Muitos dos beneficiários não mantinham relação jurídica com a prefeitura (licitação, contrato ou meio legal que amparasse a transação financeira). Além disso, não havia emissão de notas fiscais e os valores não eram submetidos a empenho de despesas, operações legais que devem ser observadas pelos entes públicos.

A expressão “Dark Money”, traduzida do inglês para “dinheiro escuro”, é utilizada para se referir a gastos políticos, geralmente feitos por meio de organizações sem fins lucrativos, em que o nome dos doadores não é divulgado.

O Dracco reforça que mantém um canal aberto com a população para que novas informações que possam levar à recuperação dos ativos desviados e à identificação de outros envolvidos no esquema criminoso sejam repassadas. O contato pode ser feito por meio das redes sociais, do endereço de e-mail dracco@pc.ms.gov.br ou pelo telefone (67) 3323-6900.

(Com informações da assessoria da PCMS)

 

Veja também

Mais Lidas

1
Geral

Atenção: fim de semana pode vir acompanhada de tempestades

2
Anastácio

Anastaciana internada na Capital precisa de doações de sangue

3
Policial

Gerente do bando que invadiu aeroclube é preso na Bolívia

4
Policial

Preso em flagrante, homem agarra à força mulher no Centro

Informe Publicitário

Informe

Comtel é a única empresa de MS em evento internacional

Previsão do Tempo

min22 max35

Aquidauana

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.
min22 max35

Anastácio

Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

Níveis dos Rios Hoje

Aquidauana
1,99m
Miranda
2,01m
Paraguai
0,19m

Colunas e Blogs

Valdemir Gomes

Reafirmo...

Maria de Lourdes Medeiros Bruno

EIS QUE CHEGOU...

Gabriel Novis Neves

MANIA NOVA

Ver Mais Colunas

Guia Cidade

Escolas Municipais

Escola CAIC Antonio Pace

Rua Felipe Orro, s/n Bairro da Exposição - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Bancos

Banco Caixa Econômica Federal

Rua Estevão Alves Corrêa, 562 Centro - 79200-000 Aquidauana/MS (67) 3241-4030 / 324 www.cef.com.br
Escolas Municipais

Escola Municipal Pólo Pantaneira

Fazenda Taboco, Fazenda Taboco - 79200-000 Aquidauana/MS (67)
Ver Mais
2
Entre em nosso grupo